Olhar Jurídico

Quarta-feira, 19 de janeiro de 2022

Notícias | Cursos e Concursos

Desempenho

Faculdades de Mato Grosso não alcançam 50% de aprovação no Exame da Ordem; confira

Foto: Reprodução / Ilustração

Faculdades de Mato Grosso não alcançam 50% de aprovação no Exame da Ordem; confira
Em Mato Grosso, das 44 faculdades de Direito que participaram do X Exame de Ordem Unificado nenhuma conseguiu uma aprovação superior a 45% dos bachareis inscritos. O desempenho das Instituições de Ensino Superior (IES) foi divulgado nesta terça-feira (29) pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O Exame foi realizado no primeiro semestre deste ano.

Mesmo com o percentual inferior a 50% de aprovação algumas instituições superaram a média nacional, que  foi de 28,07%.

O campus da Universidade de Cuiabá (UNIC), em Sinop, foi a instituição que conseguiu o maior percentual de aprovação na segunda fase do exame. Dos 19 acadêmicos participantes, 42,11% foram aprovados.

Em Cáceres, a Universidade do Estado de Mato Grosso  (UNEMAT) aprovou 26 alunos dos 64 inscritos, um total de 40,63% de aproveitamento.

Já na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), em Cuiabá,  40% dos 25 acadêmicos que fizeram a prova também foram aprovados.

Leia mais
Novo CPC garante conquistas para advocacia
Câmara deve votar urgência para o Simples dos advogados

Em todo o Brasil, dos 124.914 inscritos, 120.944 examinandos estiveram presentes na primeira fase, e 33.954 foram aprovados na segunda fase. Até o final de outubro a OAB disponibilizará os resultados das Instituições de Ensino Superior (IES) por área.

De acordo com o coordenador Nacional do Exame de Ordem da OAB, Leonardo Avelino Duarte, a lista não revela surpresa, pois as instituições que mais aprovam são, em sua maioria, as mesmas que tiveram bom desempenho no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade).

O presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Marcus Vinícius Furtado Coêlho, lembra que no início do mês o Ministério da Educação (MEC) disponibilizou o resultado do Enade 2012, no qual 33% dos cursos de direito avaliados tiveram resultado insuficiente. “As faculdades que não são bem avaliadas no Enade acabam também não tendo boa aprovação no Exame de Ordem”.

Confira aqui o resultado completo

Leia outras notícias no Olhar Jurídico
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet