Olhar Jurídico

Domingo, 26 de junho de 2022

Notícias | Eleitoral

OAB/Tangará e Comissão realizam debate entre candidatos nesta terça-feira

Nesta terça-feira (25 de setembro) a OAB de Tangará da Serra em parceria com a Comissão de Direito Eleitoral da OAB/MT realizará um debate entre os candidatos a vice-prefeito e a prefeito na sede da Subseção. “Convidamos a todos os advogados e toda a sociedade para participar dessa oportunidade. É uma forma de conhecer o que pensam e como querem administrar a nossa cidade”, destacou o presidente da OAB/Tangará, Josemar Carmerino dos Santos. O presidente da Comissão, Sílvio Queiroz Teles, lembrou que é um fato inédito para a história da instituição a realização de debates envolvendo também os candidatos a vice-prefeito.

O primeiro debate, portanto, ocorrerá nesta tarde, a partir das 16 horas, entre os três candidatos a vice, quais sejam: Ana Monteiro de Andrade da Coligação “Tangará no Rumo Certo”; Idail Trubian, da Coligação “Tangará um Novo Tempo”; e José Pereira Filho, da Coligação “Tangará Melhor! Nós Podemos”.

O debate com os candidatos à Prefeitura de Tangará da Serra será a partir das 20 horas, também no auditório da Subseção da OAB, mediado pelo presidente da Comissão de Direito Eleitoral. Os candidatos são: Saturnino Masson, do Partido da Social Democracia Brasileira, Coligação “Tangará no Rumo Certo”; Fabio Junqueira, Partido da República, Coligação “Tangará um Novo Tempo” e Rubens Jolando, do Partido do Movimento Democrático Brasileiro, Coligação “Tangará Melhor! Nós Podemos”.

O debate será dividido em oito blocos, terá duração de 90 minutos e iniciará com a apresentação pessoal e profissional de cada um. No segundo bloco, serão feitas perguntas relacionadas à Educação, Saúde, Segurança Pública, Desenvolvimento Urbano e Habitacional, Desenvolvimento Econômico, Geração de Emprego, Asfalto, Abastecimento de Água e Saneamento Básico, Transporte Público e Mobilidade Urbana, elaboradas pelos advogados da OAB/Tangará. O terceiro e quarto blocos serão compostos de rodada de debates, assim como no quinto e sexto blocos com perguntas de temas livres. No sétimo e último bloco cada candidato terá três minutos para fazer as suas considerações finais. A ordem de quem pergunta e de quem responde será definida por sorteio.

Segundo o presidente da 10ª Subseção, Josemar Carmerino dos Santos, as coligações não poderão usar a imagem e nem mencionar o debate no programa eleitoral e que será liberada a captação de imagens para a vinculação na imprensa, respeitando assim o mesmo tempo de inserção para os candidatos. O ofício foi assinado pelos advogados e representantes das três coligações.

(Com informações da Rádio Pioneira e site Só Notícias)
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui
Sitevip Internet