Olhar Jurídico

Domingo, 26 de junho de 2022

Notícias | Eleitoral

caso lucas

Corregedoria do TRE de MT vai investigar denúncia contra juiz

Foto: Reprodução

Corregedoria do TRE de MT vai investigar denúncia contra juiz
O corregedor Regional Eleitoral de Mato Grosso, desembargador Gerson Ferreira Paes, determinou a abertura de uma apuração prévia para investigar as denúncias envolvendo o juiz eleitoral de Lucas do Rio Verde, André Gahyva.

O procedimento na Corte Eleitoral é conseqüência de uma denúncia veiculada pelo Olhar Direto de que o candidato a prefeito em Lucas Rogerio Ferrarin (PMDB) teria se encontrado com o juiz para supostamente armar contra o postulante concorrente, o ex-prefeito e ex-deputado Otaviano Pivetta (PDT).

Ferrarin e juiz Gahyva teriam se encontrado para armar contra Pivetta

Conforme a assessoria do TRE, o corregedor determinou a abertura do procedimento com base no artigo 8º da Resolução 135/2011 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Após negar qualquer encontro com o candidato a prefeito, o próprio juiz é quem teria pedido ao Tribunal solicitando a abertura da investigação. André Gahyva alega que no dia da suposta gravação passou em um local onde vende espetinho de carne e seguiu para casa, onde ficou com a esposa.

As matérias veiculadas acusam o magistrado de atuar com parcialidade no exercício de suas funções como juiz eleitoral. Por força da Lei Orgânica da Magistratura, a apuração prévia tramitará em segredo de Justiça, informou a assessoria do TRE.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet