Olhar Jurídico

Segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Notícias / Trabalhista

Semana de Execução trabalhista alcança 3,8 milhões em acordos

TRT-MT

27 Set 2016 - 11:43

A justiça trabalhista homologou 3,8 milhões de reais em acordos durante a 6ª Semana Nacional de Execução Trabalhista, ocorrida entre 19 e 23 de setembro. Ao todo, foram realizadas 401 audiências de conciliação que resultaram em 167 acordos. O evento, que aconteceu em todo país, concentrou ações para solucionar os processos com dívidas trabalhistas em fase de execução, ou seja, quando o valor da condenação não foi pago.

Veja a reportagem de TV.

Segundo a juíza Karine Bessegato, responsável pela Coordenadoria de Apoio à Execução e Solução de Conflitos do TRT/MT (Caesc), a semana teve um resultado positivo, já que os valores pagos refletem na economia local. “Foi uma semana produtiva para as partes – trabalhadores e empresas, pois as demandas foram resolvidas”, avaliou.

Segundo o coordenador da Caesc, Diogo Neumann, a Justiça do Trabalho mato-grossense estimulou as varas a colocarem em pauta os processos na fase de execução que puderam ser resolvido por acordo. “Mais de 160 pessoas tiveram suas pendências resolvidas, foi um grande feito’, afirmou.

A ação

Com o slogan “A justiça só é efetiva quando realizada por inteiro”, as 38 varas do trabalho e a Caesc realizaram esforços para resolver os processos de execução, com ações como audiências de conciliação, leilão de bens, penhoras e bloqueio de contas.

Foram priorizados os processos dos maiores devedores, os que se encontram em arquivo provisório, mas com possibilidade de acordo, e os que estavam com a alienação de bens para serem penhorados já agendada.
Sitevip Internet