Olhar Jurídico

Domingo, 18 de agosto de 2019

Notícias / Geral

Juiz recebe R$ 500 mil em folha de pagamento de julho

Da Redação - Arthur Santos da Silva

14 Ago 2017 - 17:20

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Juiz recebe R$ 500 mil em folha de pagamento de julho
O juiz da 6ª Vara Cível de Sinop, Mirko Vincenzo Giannotte, recebeu em julho o valor bruto de R$ 503.928,79. As informações sobre o montante vultoso constam no portal da transparência. Mirko possui mais duas parcelas de igual valor para receber.

Leia mais:
Justiça livra Walter Rabello, mas condena jornalista e TV em R$ 40 mil por falsa acusação de roubo


O valor é resultado da soma: remuneração - R$ 300.283,27; indenizações - R$ 137.522,61; vantagens eventuais 40.342,96; e gratificações - R$ 25.779,95. Houve um desconto de R$ 88 mil.

Rebatendo qualquer especulação, Mirko Vincenzo explicou em grupos do Whatsapp que o pagamento obedece a correções dos últimos 10 anos de seu trabalho.

O magistrado argumentou que o valor pago é referente à diferença de Entrâncias.

Confira a mensagem do juiz:
 
"O q se pagou foi DIFERENCA DE ENTRANCIA. Exemplo: Juiz de Porto dos Gauchos q atua em Rondonopolis, ou o de Sto Antonio q atua em Cuiaba, de maneira designada, sendo estas Comarcas de ENTRANCIA ESPECIAL, e as outras de PRIMEIRA ENTRANCIA. Ha uma diferenca de valor de subsidio pago entre a PRIMEIRA E OUTRAS ENTRANCIAS. Esse um exemplo. Nisso tudo tem a correcao dos ultimos 10 anos e todos os seus reflexos e verbas reflexas. Isso é perfeitamente normal, nao ilegal e nem mesmo imoral. Se partirmos do preceito generico de imoralidade, a JUSTICA TRABALHISTA vive conferindo ADICIONAIS DE PERICULOSIDADE, INSALUBRIDADE, HORAS EXTRAS, alem de VERBAS por DESVIO DE FUNCAO. Calcule vc que algumas destas verbas trabalhistas pagas sao bem generosas e sempre, evidente, alcancadas pelo beneficiario por intermedio de uma advogado, Profissao q exerci por 10 anos, ostentando a LIMPA FICHA PROFISSIONAL da ADVOCACIA, debaixo do OAB/MT 4673. Quanto a IMORALIDADE, assim nao creio, pq LEIS q jazem no cenário bem antes de eu ter nascido. Muitos q dizem asneiras foram forjados no seio de suas familias "amamentados" por esta "hoje dita imoralidade". Fácil: elejam representantes p controlar esse "MANICÔMIO DE LEIS" q è a NACAO BRASILEIRA, inclusive c BELA REFORMA ADMINISTRATIVA e TRABALHISTA. Inclusive alguns "justiceiros" e "intelectuais de orelha de livros" de ultima hora, q jogam esse tipo de noticias ao vento, elegem representantes de que nada servem e as vezes, mama das tetas daquilo queba conveniencia deles para o fim especifico "nada tem de imoral". Logo, nao seria justo e nem mesmo coerente alguns grupos de advogados, quero crer isolados, mas tentando fazer coro no meio de muitos, iniciarem a desenvolver teses medicres "de galera", como q estivessem querendo servir um banquete para 250 pessoas, se utilizando de apenas 1 coxa de frango. E mais: tenho outras 2 parcelas iguais a receber. PROMETO q assim q sair mando COPIA do "HOLLERITH" para q nao percam os "seus valorosos tempos" em procurar ao invés de trabalharem e serem produtivos".
 

50 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Natanael Freire de BARROS
    16 Ago 2017 às 16:39

    DIANTE DESSE PRECEDENTE ESPERO RECEBER MINHAS NOVE FÉRIAS E SEIS MESES DE LICENÇA PRÊMIO QUE TRABALHEI POR NECESSIDADES DE SERVIÇOS, E ESTOU AGUARDANDO DESDE 2012 QUANDO FUI PARA A RR. E UMA QUANTIA IRRISÓRIA DIANTE DESSA PAGA AOS SRs. JUIZES E CABEM MUITO BEM DENTRO DO ORÇAMENTO DO ESTADO.

  • marillene
    16 Ago 2017 às 15:04

    simplesmente um absurdo!! para os servidores públicos nada pode.

  • Gomes
    16 Ago 2017 às 10:19

    Este é o tipico julgamento de jjustiça emseu proprio beneficio. Quantos outros juizes starao enveredando neste caminho após essa absurda causa pratica no uso do erario publico.

  • CUIABANO
    15 Ago 2017 às 19:47

    Trata-se de homem íntegro e muito trabalhador! De fato todas as verbas são devidas, seja do ponto de vista moral, legal etc... Porém, salvo melhor acredito que a postura do MM. É um tanto quanto desumana quando se comporta de acordo com a música da Vanessa da Mata (Tô nem aí, to nem aí). Isso porque, qualquer outro funcionário público (que não seja membro da honrosa magistratura) que também tenha eventuais diferenças para receber deve contratar um Advogado, ingressar em juízo, aguardar (em média) 08 anos para que o processo tramite por todas as instâncias possíveis, e, no fim, quando seus direitos forem reconhecidos deverá se submeter à fila dos precatórios (e aí só DEUS sabe quando paga) e se pagar deverá dar deságio... Sem contar que certamente algumas parcelas já estariam prescritas (o pgto refere-se a diferenças salariais de 29/5/2004 a 31/12/2009, conforme esclarecido pelo TJ-MT). Com o Membro da Magistratura, contudo, basta, um requerimento do órgão de classe, no caso a AMAM-MT, que já veio esbaforida dizendo que é tudo legal e consta de lei.... Mas a discussão não é esta! A questão é que para pagar os magistrados a partir de requerimentos faz-se necessário um duodécimo bem gordinho, daí falta dinheiro para outras áreas importantes da gestão, como saúde por exemplo. Portan

  • Armindo de Figueiredo Filho Figueiredo
    15 Ago 2017 às 16:18

    Não li a matéria . e nem vou ler. Somente o título, já causou-me "ESPANTO". Pode ser até legal!!!!. MAS, NÃO PASSA DE UMA TREMENDA ""IMORALIDADE" ,. É um tapa na cara dos "Assalariados"" Uma vergonha. Se está dentro da lei... O R A B O LA S!!! Que R E V O G U E !!! Toda lei pode ser revogada ... ainda mais esta... "DESCABIDA""""POXA!!! Esses salários dos magistrados é um ""A F R O N T A "" ao país. destoando dos demais salários pagos ao trabalhador brasileiro. Pois bem ""Senhores Parlamentares" este é um ( ante projeto) que os "NOBRES" criadores das "LEIS" poderiam abraçar profundamente e, dar um "BASTA" nessa excrescência, que envergonha o país . Está dado o R E C A D O ....

  • Benildo Ubirajara de Campos
    15 Ago 2017 às 15:37

    NADA justifica um salário desses, de quem na verdade deveria representar a Justiça, não se aproveitar de falhas da legislação que obviamente conhece de cor e salteado. Em um país onde a corrupção se alastra qual praga e se vê salários tão díspares é um assinte ao povo vir com essa balela.

  • Fidélis Itamar de Queirós
    15 Ago 2017 às 11:54

    Se não a nada de ilícito, nada a esconder pondo final. Quem atirou a primeira pedra, deve sustentar ou redimir. Mas acho Eu que o portal da transparência deveriam trazer as contas do holerite abertas, para não gerar injustas críticas. Entendo que um juiz (a) deve ganhar muito bem, e, ter ainda sua pena triplicada caso venha corromper ou ser corrompido.

  • T
    15 Ago 2017 às 11:47

    Então tá tudo dentro da Lei? Por causa de legislações absurdas, que validam privilégios indecorosos, que a história registra revoluções sangrentas em que o povo pede a ruptura institucional e surge formas de rompimento e criações como a "Guilhotina" na Revolução francesa! Os privilégios salariais dos poderes Judiciário e Legislativo, bem como do Ministério Público e Tribunal de Contas constituem-se num escarnio e, em algum momento, a sociedade se recusará a manter! Portanto, membros desses poderes, a sociedade está de olho nessa situação!

  • Marco António
    15 Ago 2017 às 10:11

    Entao, é o "manicômio de leis" , não tem remédio, lei é para ser cumprida. Nisso, de mudar as leis, a reforma da previdência caminha a passos largos, misericórdia.

  • ATTILIO OURIVES lll
    15 Ago 2017 às 09:29

    No Brasil é preciso diferenciar essa questão salarial. Fico feliz pelo Dr. Mirko, pela sua família...SÃO MERECEDORES DO QUE ESTÃO COLHENDO, HOJE!!! Conheço o magistrado, há uns 12 anos, foi advogado atuante e atualmente um juiz ímpar Basta acompanhar as matérias nos jornais impressos e os digitais. A nação brasileira, se fosse distribuidor de forma equânime O QUE SE ARRECADA E TAMBÉM NO QUESITO "PARTICIPAÇÕES"...Todos...REPITO...Todos, estariam recebendo esse valor ou até mais...Basta fazer uma simples conta...O que o Brasil arrecada (INTERNAMENTE)...TRILHÕES DE REAIS...DIVIDI ESSE VALOR PELO TOTAL DA POPULAÇÃO (CADA BRASILEIRO, SEM EXCEÇÃO!!!)...E TERÁ AO ANO, O QUE CADA UM DE NÓS, TEMOS DIREITO. O saudoso deputado Sr./Srª Clodovil...Apresentou um projeto simples no congresso nacional, reduzindo o número de parlamentares por estado E se fossemos ainda mais longe...reduzir as empresas estatais, autarquias os ministérios (ESFERA FEDERAL) Já no âmbito estadual...as secretárias, as empresas...Tira também a essência da lei, no quesito estabilidade...DEIXANDO APENAS O ASPECTO "...M-E-R-I-T-O-C-R-A-C-I-A...", ficando só os "bons" profissionais. Já no quesito municipal...Vamos eliminar o salário dos vereadores, as verbas, os custos, como era antigamente (ESSE DINHEIRO IRIA PARA AS

Sitevip Internet