Olhar Jurídico

Segunda-feira, 17 de janeiro de 2022

Notícias | Administrativo

DECISÃO

Servidor do TJ acusado de atropelar casal com veículo oficial é demitido

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Servidor do TJ acusado de atropelar casal com veículo oficial é demitido
O Diário de Justiça de Mato Grosso que circulou nesta terça-feira (22) oficializou a demissão do servidor Ronivaldo dos Anjos, auxiliar Judiciário do Tribunal de Justiça, acusado de atropelar um casal de motociclistas em 2015.
 
Leia mais:
Servidores do TJ também serão alvo de investigação do CNJ para detectar "supersalários"


Na oportunidade, ele estava dirigindo veículo oficial do TJ, sem autorização, e, segundo boletim de ocorrências lavrado no dia, sob influência de bebida alcoólica.
 
O presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso em 2015, desembargador Paulo da Cunha, determinou que fosse instaurado processo administrativo disciplinar (PAD) contra o servidor Ronivaldo dos Anjos.
  
De acordo com as informações prestadas pelo chefe da divisão de transportes do TJ, Gerson Luiz de Figueiredo, o motorista se apossou do veículo, sem a devida autorização de alguém do setor, e sem autorização para entrar no estacionamento do Tribunal.
 
A decisão foi tomada diante da gravidade dos fatos narrados e dos documentos arrolados no processo administrativo.
 
O processo administrativo disciplinar é a forma pela qual a administração pública apura as infrações funcionais e aplica penalidades aos agentes públicos ou àqueles que têm relação jurídica com a Instituição. É uma oportunidade de apurar a culpabilidade do servidor acusado de falta e também de ele se defender.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet