Olhar Jurídico

Terça-feira, 17 de setembro de 2019

Notícias / Eleitoral

Candidata ao Senado, Maria Lúcia entra na Justiça para ter direito a entrevista em TV

Da Redação - Wesley Santiago

26 Set 2018 - 09:40

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Candidata ao Senado, Maria Lúcia entra na Justiça para ter direito a entrevista em TV
A candidata ao Senado Federal por Mato Grosso, Maria Lúcia Neder (PCdoB), entrou na Justiça Eleitoral com o objetivo de também ser entrevistada no programa ‘Bom Dia Mato Grosso’, da TV Centro América, afiliada da Rede Globo, que faz uma série de entrevistas com os cinco postulantes à vaga em Brasília (DF) mais bem colocados na última pesquisa Ibope.

Leia mais:
Pesquisa Ibope aponta Jayme Campos com 32% e Nilson Leitão com 16%
 
“Tendo em vista o resultado da referida pesquisa, a representante não seria contemplada pela exposição e oportunidade de levar ao conhecimento da audiência da representada suas propostas”, diz trecho da representação da candidata. Por fim, ela requisitou que “fosse conferido tratamento isonômico” a ela, “da mesma forma que concedido aos demais candidatos”.
 
Porém, o magistrado Mário Roberto Kono de Oliveira indeferiu a liminar e determinou a notificação da TV Centro América e o Ministério Público Eleitoral (MPE), para que apresentem manifestação, se desejarem. Somente depois disto é que os autos deverão ser conclusos para decisão.
 
Pesquisa
 
A TV Centro América divulgou na última quinta-feira (20) o resultado da pesquisa realizada pelo Instituto Ibope de intenção de voto para Senado. O levantamento registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) com o número MT‐05998/2018, ouviu 812 eleitores em 36 municípios do Estado nos dias 17 à 19 de setembro.
 
Jayme Campos (DEM) aparece em primeiro colocado com 32% das intenções de voto. Ele está na frente de Nilson Leitão (PSDB), com 16%, Procurador Mauro (Psol), com 14%, Carlos Fávaro (PSD), com 13% e Selma Arruda (PSL), com 12%, todos empatados tecnicamente conforme a margem de erro de 3%.
 
Adilton Sachetti (PRB) e Maria Lúcia (PCdoB) seguem atrás, ambos com 9%, na frente de Valdir Caldas (Novo), com 4%, Gilberto Lopes (Psol), também com 4%, Sebastião Carlos (Rede), com 2% e Aladir (PPL), com 1%.
 
Brancos e nulos para a primeira vaga de Senado somaram 13%. Já a segunda vaga contabilizou 25%.
 
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.

7 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Ronei Duarte
    28 Set 2018 às 11:48

    Pelos comentários dá para ver como a classe dos profissionais da educação brasileira são valorizados no país dos ignorantes diplomados! Não conseguem elaborar um discurso racional sem destilar ódio e rancor! Força professora Maria Lúcia! Obrigado por ter colocado o nome a nossa disposição.

  • Bugre
    26 Set 2018 às 14:11

    Comunista que anda de carro de burguês e mora em mansão rsrs Comédia mesmo

  • Moderador
    26 Set 2018 às 13:30

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • César
    26 Set 2018 às 13:09

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • INDIGNAÇÃO
    26 Set 2018 às 11:25

    Uma comunista que não vive como comunista. Tinha que praticar o que prega. Comunista aqui não se cria.

  • Augusto de Souza Felix
    26 Set 2018 às 10:22

    Essa senhora deixava até os animais no zoológico da UFMT passar fome quando ela era reitora ...agora quer ser senadora Comunista representando MT! Nunca, jamais podemos permitir isso.

  • Sergio Cintra
    26 Set 2018 às 10:19

    Kkkkkkkkkkkkkkkkk a velhinha é comédia.

Sitevip Internet