Olhar Jurídico

Quinta-feira, 05 de dezembro de 2019

Notícias / Civil

Ministério Público investiga servidor por estabilização na ALMT sem concurso público

Da Redação - Arthur Santos da Silva

19 Jun 2019 - 09:08

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Ministério Público investiga servidor por estabilização na ALMT sem concurso público
O promotor de Justiça Celio Joubert Furio, membro do Ministério Público de Mato Grosso (MPE), instaurou inquérito civil para apurar possíveis ilegalidades de atos da Assembleia Legislativa (ALMT) que concederam estabilidade e enquadramentos ao servidor identificado como Saturnino Leoncio de Arruda Filho.
 
Leia também
Raquel Dodge cita que salário é prioridade e pede ao STF que suspenda decisão de parcelamento


A portaria, assinada no dia 11 de junho de 2019, esclarece que o técnico legislativo de nível médio, lotado na Secretaria de Gestão de Pessoas, teria obtido ilegalmente estabilidade excepcional sem que tenha obtido aprovação em concurso público.
 
“Existem nos autos elementos iniciais que justificam a instauração de inquérito civil para apurar fato autorizador da defesa e tutela dos interesses ou direitos a cargo do Ministério Público”, afirmou Celio Furio.
 
O chefe do Departamento de Recursos Humanos da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso foi notificado para disponibilizar informações e a certidão atualizada da vida funcional e financeira do servidor. 

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • eleitor
    19 Jun 2019 às 11:34

    parabens pelo levantamento estas berrações ,quer ganhar estabilidade ,quer receber pensão,quer receber aposentadoria pelo amor de Deus concurso entar pela porta da frente milhões de brasileiros desempregados lutando pela sobrevivencia ,e os super salários ,não sou contra ao trabalhador que consegue com seu trabalho anos e anos ,estudou prestou um concurso parabéns mais vimos aposentados e pensionistas que foram beneficiados por terem padrinhos e ostentam salários altissimos acreditamos que um dia pode mudar e poderemos ter justiça e assim com esperança de um mundo melhor,parabens por esses levantamentos que possamos acreditar em nossas autoridades.

Sitevip Internet