Olhar Jurídico

Sábado, 14 de dezembro de 2019

Notícias / Civil

MPE investiga contratos com empresa que fornece almoços, jantares e coffe break

Da Redação - Arthur Santos da Silva

22 Out 2019 - 11:15

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

MPE investiga contratos com empresa que fornece almoços, jantares e coffe break
O promotor de Justiça Roberto Aparecido Turin, membro do Ministério Público de Mato Grosso (MPE), instaurou no dia 8 de outubro uma investigação para apurar possível superfaturamento em pregão eletrônico datado de 2016 da Secretaria de Estado de Gestão (Seges)  e vencido pela empresa Pires de Miranda e Cia Ltda. O certame teve preço final registrado em pouco mais de R$ 30 milhões.

Leia também 
Operação da Defaz bloqueia R$ 10 milhões; Porsche, Jeep e Hilux entre os bens

 
Ainda em fase inicial de investigação, não há informações sobre valores. Conforme citado no Diário Oficial do Estado, a empresa é responsável por fornecimento de almoços, jantares e coffe break para diversos órgãos de Mato Grosso.
 
A suspeita foi levantada após apresentação de relatório produzido pela Controladoria Geral do Estado. Auditoria revelou irregularidades. O caso pode significar ato de improbidade administrativa. Se encontrados indícios mínimos, haverá proposta de ação.
 
O Ministério Público de Mato Grosso, na figura do promotor de Justiça Roberto Turin, já notificou a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) para que informa se o pregão em exame continua em vigência.
 
Após o fornecimento dos dados, Turin reexaminará a validade da investigação.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Jurídico. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Jurídico poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet