Olhar Jurídico

Segunda-feira, 27 de junho de 2022

Notícias | Criminal

AUDIÊNCIA DE CUSTÓDIA

Justiça encontra condenações contra homem que matou adolescente em matagal e mantém prisão

Foto: Rogério Florentino / OD / Reprodução

Justiça encontra condenações contra homem que matou adolescente em matagal e mantém prisão
O suspeito Leandro Barbosa, preso na quinta-feira (9) acusado de ser um dos autores do homicídio contra o Jhonatam Riam Nicácio de Lima, 17 anos, que teve o corpo encontrado em um matagal, nas proximidades do bairro Consil, na Miguel Sutil, em Cuiabá, teve sua prisão mantida. Como ele não havia sido preso em flagrante, já que o corpo da vítima foi encontrado dias depois já em estado de putrefação, o Ministério Público havia pedido a soltura dele, o que havia sido atendido pelo juiz Geraldo Fernandes Fidelis Neto. No entanto, após verificar condenações contra Leandro a Justiça determinou que ele permaneça preso.
 
Leia mais:
Homem que matou estudante de 17 anos em Cuiabá é preso em matagal no Bairro Araés; desentendimento seria motivo da morte
 
Leandro Barbosa passou por audiência de custódia na última sexta-feira (10). O Ministério Público havia se manifestado pela soltura dele já que não havia flagrante. A defesa ratificou o parecer ministerial e o juiz Geraldo Fernandes Fidelis Neto atendeu o pedido, “por não se verificar o preenchimento de nenhuma das hipóteses” que justificariam a prisão.
 
A princípio a Justiça acreditou que o suspeito se chamava Anderson. No entanto, o magistrado depois verificou que o verdadeiro nome dele era Leandro Barbosa e haviam condenações em nome dele, que somadas dão um total de oito anos. Com base nisso o juiz determinou que a prisão de Leandro, pelos crimes de furto, roubo e receptação, seja cumprida em regime fechado. Foi expedido o mandado de prisão nesse sentido, pelo Juízo das Execuções Penais.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet