Olhar Jurídico

Sábado, 21 de maio de 2022

Notícias | Civil

sem irregularidades

MPF arquiva investigação sobre lavatórios populares da prefeitura locados ao preço de R$ 1,4 milhão

Foto: Reprodução

MPF arquiva investigação sobre lavatórios populares da prefeitura locados ao preço de R$ 1,4 milhão
O Ministério Público Federal (MPF) publicou arquivamento de inquérito que investigou contrato da prefeitura de Cuiabá, no valor de R$ 1,4 milhão, para locação de lavatórios populares durante a pandemia do novo coronavírus.

Leia também 
Partido entra com ação no Supremo questionando falta de orçamento para preservação do cerrado

 
A empresa contratada foi a Solução Locadora de Toaletes. Segundo publicação que comunica o arquivamento, de forma unânime, não houve a comprovação de irregularidades no processo de dispensa de licitação.
 
Conforme informado pela prefeitura de Cuiabá, ainda durante o ano de 2020, lavatórios (com capacidade de armazenamento de 200 litros de água)  foram colocados em locais como as praças Bispo, Alencastro e Ipiranga, próximos às estações de ônibus.
 
Segundo divulgado na época, a iniciativa da Prefeitura teve como objetivo ampliar o acesso a higienização e conscientizar o cidadão do constante ato de lavar as mãos. No total, 30 lavatórios foram instalados em pontos estratégicos da cidade.
 
Cada um dos lavatórios tinha capacidade de armazenamento de 200 litros de água e um suporte com sabão. 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet