Olhar Jurídico

Quarta-feira, 10 de agosto de 2022

Notícias | Eleitoral

Eleitoral

Magistrado marca audiência preliminar em inquérito que investiga Cattani por difamação contra Maggi e Sachetti

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Magistrado marca audiência preliminar em inquérito que investiga Cattani por difamação contra Maggi e Sachetti
Justiça Eleitoral em Mato Grosso designou para o dia 14 de julho audiência preliminar para oferta da transação penal ao deputado estadual Gilberto Cattani (PL), alvo de inquérito por suposta difamação praticada em face de Blairo Maggi e Adilton Sachetti.

Leia também 
Justiça estadual questiona interesse de empresário em chácara entregue por Pedro Nadaf

 
Segundo inquérito, datado do ano de 2018, pessoa identificada como Angela Marques, também investigada no inquérito, fez publicação de vídeo na rede social Facebook, difamando Blairo Maggi e Sachetti.
 
O conteúdo acabou sendo repostado por Cattani em grupo de Whatsapp que apoia o presidente Jair Bolsonaro. Na época, Cattani era candidato ao cargo de deputado estadual. Terceira pessoa, identificada como Dilson Lira, também é investigado.
 
A audiência chegou a ser agendada para o mês de maio, mas foi remanejada a pedido dos investigados. “Tendo em vista o justo motivo apresentado pelo investigado Gilberto Moacir Cattani no ID: 105699938, designo o dia 14.07.2022, às 08h30min, para realização de audiência preliminar para oferta da transação penal”, diz trecho da decisão que desgnou audiência.

Decisão marcando audiência foi proferida pelo juiz Wanderlei José dos Reis.
 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet