Olhar Jurídico

Quinta-feira, 18 de julho de 2024

Notícias | Eleitoral

vídeos apócrifos

Justiça remarca audiência contra deputado federal suspeito de caluniar adversário denunciando pedofilia

Foto: Reprodução

Justiça remarca audiência contra deputado federal suspeito de caluniar adversário denunciando pedofilia
Justiça Eleitoral remarcou para o dia 21 de novembro audiência em processo que aciona o deputado federal Juarez Costa, acusado de ser responsável por disparos anônimos em massa de vídeos apócrifos, na eleição de 2020, que noticiavam suposta ligação do empresário Roberto Dorner ao crime de pedofilia.


Leia também 
Candidatos ao governo podem gastar R$ 7,115 milhões no primeiro turno; disputa ao Senado tem R$ 3,811 milhões de limite

 
Inicialmente a audiência havia sido marcada para o dia nove de novembro de 2022. Juarez e Dorner foram adversários no pleito pela prefeitura de Sinop. Dorner acabou eleito. Além de Juarez, Billy Dal Bosco, que disputava como vice da chapa, também foi denunciado e tornou-se réu após decisão pelo recebimento da ação.
 
Na oportunidade da audiência, serão ouvidas as testemunhas arroladas pelo Ministério Público Eleitoral e defesa, além de serem interrogados os réus. De acordo com os vídeos veiculados na propaganda eleitoral de Juarez, a vítima Roberto Dorner teria sido autor de crime de estupro de vulnerável, vez que teria mantido conjunção carnal, praticado atos libidinosos e, inclusive, engravidado uma adolescente de 13 anos de idade, que seria portadora de doença mental.
 
Juarez já foi ouvido na investigação e afirmou que “quem publicou os vídeos foi o marketing da campanha, sem a sua anuência”. Ainda segundo o deputado federal, “os vídeos foram publicados nas inserções eleitorais veiculadas pelas redes de TVs”. Em depoimento, Juarez salientou ainda que “ficou sabendo dos fatos, publicação dos vídeos nas inserções eleitorais, somente após a sua veiculação”.
Entre em nossa comunidade do WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Assine nossa conta no YouTube, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet