Olhar Jurídico

Quarta-feira, 18 de maio de 2022

Notícias | Geral

lançamento

Olhar Jurídico estreia para ser fórum de debate da Justiça e de decisões

04 Jul 2012 - 13:03

Especial para o Olhar Jurídico - Jonas da Silva

Foto: Reprodução

Olhar Jurídico estreia para ser fórum de debate da Justiça e de decisões
Ao colocar em prática o novo produto editorial Olhar Jurídico (www.olharjuridico.com.br), pensado e concebido há 2 anos, o proprietário e editor-chefe do Olhar Direto, jornalista Marcos Coutinho, avalia a vanguarda jornalística que sempre teve na profissão.

Para ele, uma simples editoria no portal Olhar Direto era muito pouca diante de uma demanda reprimida fortíssima sobre notícias jurídicas. Álém do acesso direto pelo endereço do novo site, os internautas podem acessá-lo pelo link no alto e centro da página do portal Olhar Direto.

"Nós concebemos o projeto para colocá-lo em prática há 2 anos. É uma tentativa de preencher uma lacuna das notícias do Judiciário”.

De acordo com o proprietário, a proposta é a partir do lançamento do site incrementar ao máximo o produto e, sobretudo, transformá-lo em “um fórum de debate da comunidade jurídica”.

Ele adianta que o site especializado terá articulistas juristas e advogados de todo o Brasil, principalmente do eixo Brasília-Rio-São Paulo.

Para Coutinho, o Olhar Jurídico “não será um mero instrumento de divulgação de decisões judiciais, mas estimulador do debate”.

Cobertura

Coutinho deu uma mostra de como deverá ser a atuação inicial dos profissionais do site. Haverá cobertura, por exemplo, do Conselho Nacional do Ministério Público, Conselho Nacional de Justiças, Superior Tribunal de Justiça, Supremo Tribunal Federal,Tribunal Regional Federal.

Mas, o proprietário revela que o novo produto terá uma presença no jornalismo com mesma abordagem de conteúdo que sempre marcou o portal-mãe.

“Vamos manter relações intrínsecas com todos os tribunais do Estado, tentar estimular ao máximo os debates e também, a exemplo do que ocorre no Olhar Direto, vamos continuar denunciando mazelas no Judiciário, desmandos, vendas de sentença, tráfico de influência”.

Os jornalistas Julia Munhoz e Renê Dioz comandarão a redação do novo produto mato-grossense.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet