Olhar Jurídico

Sábado, 25 de junho de 2022

Notícias | Geral

Comitê discute boas práticas em Comunicação Social no MP

Cerca de 30 profissionais da área de Comunicação Social do Ministério Público brasileiro participaram, nos dias 30 e 31 de julho, da segunda reunião de 2012 do Comitê de Política de Comunicação Social do Ministério Público (CPCom). Instituído em agosto de 2010 por portaria do presidente do CNMP, o comitê tem o objetivo de promover a integração e o desenvolvimento da comunicação do Ministério Público no Brasil, por meio de deliberações que incentivem o planejamento, a articulação das ações e a difusão de boas práticas em Comunicação Pública.

Nos dois dias de discussões e troca de experiências, foram apresentados projetos nacionais do CNMP, como Banco de Projetos do Ministério Público e demais desdobramentos da Ação Nacional 2011-2015 e o lançamento da primeira fase do Pró-Cidadão, sistema que reúne inquéritos, termos de ajustamento de conduta e ações civis públicas e está em implantação. Também houve apresentação de projetos e campanhas desenvolvidos pelos MPs nos estados.

A programação incluiu oficina de uso do Youtube, ministrada por Ângelo Ribeiro (MP/SC), apresentação dos resultados da pesquisa de imagem sobre o MP e sobre o CNMP, discussões sobre os Portais da Transparência e sobre a proposta de resolução que irá regulamentar a Lei de Acesso à Informação no MP, além da apresentação dos resultados do Diagnóstico da Estrutura da Comunicação Social no MP Brasileiro e do texto final do Guia de Boas em Comunicação Digital, ambos projetos surgidos a partir dos debates realizados no âmbito do próprio CPCom.

Os participantes da reunião destacaram a importância do intercâmbio de experiências para o aperfeiçoamento do trabalho desenvolvido em cada unidade. “Conhecer outras realidades nos ajuda a buscar novas soluções para as dificuldades do dia a dia”, diz Rodrigo Freitas, do MP do Maranhão. “O melhor é a troca de experiências”, afirma Jun Tomikawa, do MPDFT. “Foi interessante ver que situações que existem no meu Ministério Público também acontecem em outros estados”, disse Paulo José de Freitas Filho, do MP de Sergipe.

O comitê realiza pelo menos três encontros anuais, e a próxima reunião está prevista para dezembro de 2012. O CPCom integra a política de articulação nacional do Ministério Público desenvolvida pelo CNMP. Outros grupos em atividade são os Comitê de Políticas de Tecnologia da Informação (CPTI) e de Segurança Institucional e o Fórum Nacional de Gestão.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui
Sitevip Internet