Olhar Direto

Quinta-feira, 26 de novembro de 2020

Notícias / Política MT

Fagundes não deve deixar Câmara para assumir secretaria, prevê Maggi

Da Redação - Pollyana Araújo

19 Dez 2010 - 14:15

O senador eleito Blairo Maggi (PR) adiantou que o deputado federal Wellington Fagundes, presidente regional da sigla republicana, não irá assumir a secretaria estadual de Transporte e Pavimentação Urbana do governo Silval Barbosa (PMDB), embora fosse o nome mais cotado para o cargo. "Wellington não deve aceitar o convite porque não dá para abrir mão de uma vaga na Câmara dos Deputados", declarou.

A definição dos sete nomes indicados pelo PR para ocupar cargo de primeiro escalão ocorre em reunião na próxima segunda-feira (20). Maggi, porém, disse que não estará presente, pois vai viajar de férias e só retornará no dia 15 de janeiro. Agora, terá de ser escolhido outro

Na cota da legenda também está o secretário-chefe da Casa Civil, Eder Moraes, que será mantido na vaga, bem como o secretário de Meio Ambiente, Alexander Maia, ex-ajudante de Ordens de Maggi, na época em que estava no comando do Palácio Paiaguás, e Edmilson dos Santos, secretário de Fazenda.

Já o advogado Cézar Zílio deverá ser nomeado na secretaria de Administração, no lugar do servidor de carreira Bruno Sá Martins, que assumiu o cargo após a saída de Geraldo De Vitto em meio ao escândalo do superfaturamento dos maquinários do programa MT 100% Equipado.

“Vou avalizar todos os nomes que o partido indicar. Já troquei muita gente quando era governador e sei da responsabilidade que é”, disse o líder republicano.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet