Olhar Direto

Terça-feira, 26 de maio de 2020

Notícias / Política BR

Governador do DF quer luto oficial em Brasília após morte de ídolo do metal

Folha Online

17 Mai 2010 - 17:25

Se dependesse do governador do Distrito Federal, Rogério Rosso (PMDB), Brasília estaria de luto nesta segunda-feira após a morte do ídolo do Heavy Metal Ronnie James Dio, ex-vocalista da banda Black Sabbath. Pelo Twitter, Rosso disse que só não decretou o luto oficial por impedimentos legais.

"O coração está de luto! Decretar luto oficial em Brasília não posso por questões legais! Bem que eu queria!", escreveu o governador do DF.

No domingo, Rosso adentrou a madruga no Twitter para lamentar a morte do ídolo, conhecido por ter popularizado o sinal chifre feito com as mãos. Às 3h da madrugada, Rogério Rosso ainda enviava mensagens pelo Twitter quando um dos usuários do microblog duvidou que ele de fato fosse o governador.

Rosso pediu o telefone celular da usuária, que topou o desafio. O governador então ligou para provar que ele era ele mesmo no Twitter. No microblog, o governador-metaleiro escreveu que perdeu uma "grande referência", após a morte do metaleiro, vítima de câncer.

"A perda do Dio é muito forte! Minha grande referência sempre foi o DIO! a morte de Dio foi uma grande perda", afirmou Rogério Rosso.

O governador do DF, que substituiu José Roberto Arruda (sem partido) após o mensalão do DEM, disse ainda que o metal aproxima as pessoas. "Quem não se conhece, vira amigo ! Principalmente quando um ídolo do rock como o Dio nos deixa!".

Rosso ainda enviou para os seus 1.865 seguidores um vídeo do Brasília Magical Journey, "um épico do metal candango! Música e letra minha, marreco e lelo". Rosso, além de governar o DF, toca guitarra, baixo e teclado.
Sitevip Internet