Olhar Direto

Segunda-feira, 06 de julho de 2020

Notícias / Meio Ambiente

Animais de zoológico são afetados pelo corte de gás russo

AFP

10 Jan 2009 - 04:23

O principal zoológico da Bulgária instalou aquecedores para elefantes, rinocerontes e hipopótamos, depois que o sistema central de gás russo foi cortado, disse o diretor da instituição Ivan Ivanov à France Presse.

Macacos, hienas, antílopes, papagaios e répteis, acostumados a climas muito mais quentes do que as temperaturas congelantes a que tem chegado a cidade de Sofia, foram munidos de ares-condicionados.

"Nós não temos aquecimento central e três quartos dos nossos animais estão tremendo de frio", disse Ivanov, enquanto a Bulgária experimentava pelo terceiro dia uma pausa completa no fornecimento de gás russo.

"Você já ouviu falar em neve na África (de onde vieram os animais)?", disse ele.

Tigres, lobos e raposas, assim como urubus e águias, foram os únicos que ainda enfrentavam o frio da última quinta-feira.
Sitevip Internet