Olhar Direto

Sexta-feira, 22 de novembro de 2019

Notícias / Política MT

Nova onda de exonerações atinge comissionados da Sema e órgãos menores; há técnicos da época de Silval

Da Redação - Ronaldo Pacheco

04 Fev 2015 - 13:57

Foto: GCOM-MT

Nova onda de exonerações atinge comissionados da Sema e órgãos menores; há técnicos da época de Silval
Embora tenha assumido como oposição, o  governador José Pedro Taques (PDT) tem demonstrado certo critério nas exonerações. Prova disso é que oficializou, nesta quarta-feira (4), a demissão de 51 servidores comissionados na Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) e, em algumas situações, aproveita técnicos do governo Silval Barbosa. É o caso de Elaine Corsini, superintendência de Geoinformação e Monitoramente Ambiental (Sema) no governo Silval, agora promovida para a Secretaria Adjunta de Mudanças Climáticas do mesmo órgão, supostamente por seu conhecimento técnico.

Leia também:
Taques exonera comandante do Gefron após irmão dele ser flagrado com viatura no Manso
 
Também por questões técnicas  outros cinco servidores foram nomeados por Taques, embora  venha gerando dúvidas nos bastidores da Sema. É o caso da permanência secretário adjunto de Gestão Sistêmica, Benedito Guarim Strobel. Ele era considerado ‘braço direito’  de Silval Barbosa (PMDB) e do ex-secretário  José Lacerda Filho (PMDB).
 
A reportagem do Olhar Direto apurou que, antes de assumir a Sema, Benedito Strombel conseguiu ocupar  a secretaria adjunta do Núcleo Executivo na Secretaria de Estado da Fazenda. Por algum tempo, Strombel atuou ao lado dos ex-secretários Éder de Moraes Dias e Edmilson José dos Santos, que hoje respondem dezenas de ações na Justiça.

Também nesta quarta-feira, o governador exonerou o ex-deputado estadual Benedito Pinto da Silva (PMDB) da presidência da Agência de Desenvolvimento do Vale do Rio Cuiabá, que de forma prática era mais um "cabide de empregos" no palácio Paiaguás. Também foram mandados embora o diretor da extinta Lemat (Loteria do Estado de Mato Grosso), Carlos Avelino Ribeiro Filho, e o assessor técnico Ricardo Araújo Andrade.
 
Exonerados na SEMA
 
ADALBERTO MEIRA – Superintendente de Regularização Ambiental, Nível DGA-4;
MATHEUS VISNADI GIANESINI – Gerente de Almoxarifado, Nível DGA-8
AGNALDO PEREIRA DE SOUZA – Superintendente de Fiscalização, Nível DGA-4;
MARTHA DE OLIVEIRA SILVA BARÃO – Gerente de Aplicação, Nível DGA-8;
ALEXANDRE SOLEDADE DE PAIVA RAMOS – Gerente de Capacitação e do Conhecimento, Nível DGA-8;
BRUNA MARQUES VASCONCELOS – Gerente de Procedimentos Administrativos, Nível DGA-8;
SELMA DE SOUZA SILVA – Gerente de Controle de Processos Judiciais e Estratégicos, Nível DGA-8;
THIAGO BORGES CARLONI – Gerente de Obras de Saneamento Básico, Nível DGA-8;
ANE RAFAELA SEIXAS MAGALHÃES – Gerente de Resíduos Sólidos Industriais, Nível DGA-8;
CLEBERSON VIANA DE BARROS – Coordenador de Agricultura e Pecuária Extensiva e Semi-extensiva, Nível DGA-6;
ERICA DIAS DE MORAES – Gerente de Cadastros das Atividades Poluidoras, Nível DGA-8;
SILVANA MOURA ALVES – Gerente de Geoprocessamento de Empreendimentos, Nível DGA-8;
LUIS THIAGO BASTOS RODRIGUES – Gerente de Regularização de Passivos de Propriedades Rurais, Nível DGA-8.
CELESTINA DE ARRUDA PENHA – Assistente Técnica I, Nível DGA-8;
TESLES MARTINS DIANEZ – Assistente Técnica I, Nível DGA-8;
ILARA NATIELLI DA TRINDADE SILVA – Assistente Técnica I, Nível DGA-8;
MARINA LÚCIA DA SILVA – Assistente Técnica I, Nível DGA-8;
LIDIANE MARIA RODRIGUES LAUTERER – Assistente Técnica I, Nível DGA-8;
MARIA CLARA MARIMON STEPHAN – Assistente Técnica I, Nível DGA-8;
JONATHAN FÉLIX PEREIRA – Assistente Técnico I, Nível DGA-8;
ZENILDA RIBEIRO DE SOUZA SANTANA – Assistente Técnica II, Nível DGA-9;
ROBERTA SCANAGATTA DOS SANTOS – Assistente Técnica II, Nível DGA-9;
LÍBIO MARTES DE SOUZA NINA – Assistente Técnico II, Nível DGA-9
CLÁUDIO TAKAYUKI SHIDA - Superintendente de Mudanças Climáticas e Biodiversidade
ELAINE CORSINI - Superintendente de Geoinformação e Monitoramento Ambiental
HÉLIO AUGUSTO GOMES – Agente Ambiental, Nível DGA-10;
CLAUDEIR RODRIGUES DE ALMEIDA – Agente Ambiental, Nível DGA-10;
BISMARK MAMEDE DE OLIVEIRA – Agente Ambiental, Nível DGA-10;
MANOEL AMÂNCIO DA COSTA – Agente Ambiental, Nível DGA-10;
GIL LIMA LUZ – Agente Ambiental, Nível DGA-10
JUREMY PINHEIRO - Superintendente de Educação Ambiental
MARA SILVIA SCHINELLO - AGENTE AMBIENTAL
MARCIO SÁ DOS SANTOS - COORDENADOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
NILDA PEREIRA FREZA SCHNEIDER – Secretária do Conselho Estadual de Pesca, Nível DGA-6;
ALCILENE FREITAS BERTHOLDO DE SOUZA – Coordenadora de Programas de Projetos de REDD++, Nível DGA-6;
INDIO BRASILEIRO SOARES NUNES JÚNIOR – Coordenador de Inventário, Contabilidade e Registro de REDD++, Nível DGA-6;
EDUARDO RODRIGUES – Coordenador de Fiscalização Florestal e de Unidades de Conservação, Nível DGA-6;
JULIO MARCIO REINERS – Coordenador de Fiscalização de Pesca, Nível DGA-6;
MÁRCIO ROBERTO DE QUEIROZ GONÇALVES – Coordenador de Gestão de Resíduos Sólidos, Nível DGA-6;
ARNALDO AUGUSTO DORILÊO LEITE – Coordenador de Serviços Desconcentrados e Informatizados, Nível DGA-6;
ALESSANDRA MOREIRA ITACARAMBY – Coordenadora de Apoio Logístico, Nível DGA-6
PATRICIA TOLEDO RESENDE BALSTER DE CASTILHO -  Coordenadora de Unidades de Conservação de Áreas Protegidas
VALDINEI VALÉRIO DA SILVA - Coordenador de Orçamento
VALÉRIA AUTO BOTELHO – Assessora Especial III, Nível DGA-6;
YASMIN ACOSTA ROSA – Assessora Especial III, Nível DGA-6;
JOSÉ CARLOS DE OLIVEIRA GUIMARÃES – Assessor Especial III, Nível DGA-6;
BRUNA QUEIROZ TELES – Assistente Técnica I, Nível DGA-8;
MIRIAN NEIDE DA SILVA – Assistente Técnica I, Nível DGA-8;
SUELI MARIA ARAÚJO – Assistente Técnica II, Nível DGA-9.
ADALBERTO MEIRA – Superintendente de Regularização Ambiental, Nível DGA-4;
MATHEUS VISNADI GIANESINI – Gerente de Almoxarifado, Nível DGA-8
NOMEADOS
ALEXANDRE MILARÉ BATISTELLA - Coordenador de Unidades de Conservação de Áreas Protegidas
ELAINE CORSINI - Secretária adjunta de Mudanças Climáticas
ELIANI FACHIM - Superintendente de Mudanças Climáticas e Biodiversidade
FÁTIMA APARECIDA DE CARVALHO -  Coordenadora de Orçamento
MARCIO SÁ DOS SANTOS - Assessor especial
MARCOS DANIEL MARTINS SOUZA - Coordenador de Tecnologia da Informação
 
AGÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO
EXONERADOS
BENEDITO PINTO DA SILVA - PRESIDENTE
 
LEMAT
EXONERADOS
CARLOS AVELINO RIBEIRO FILHO – Diretor Administrativo e Financeiro, Nível DGA-3
RICARDO ARAÚJO DE ANDRADE – Assessor Técnico I, Nível DGA-4
 
SECRETARIA DE GESTÃO
EXONERADOS
MARIELI MARASCA KHALIL - GERENTE DE PLANEJAMENTO E AQUISIÇÕES

20 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Pedro Lucas
    05 Fev 2015 às 09:45

    "Tenho fome!...Fome de Justiça!" ( Pedro Taques - Primeira frase proferida em seu discurso de posse). Fico pensando: faz parte do senso de justiça do Sr. Pedro Taques abandonar o DEM, não chamando-o até agora para ser contemplado com alguns cargos na sua administração. Logo o DEM, companheiro de primeira hora, o primeiro a manifestar apoio ao então candidato. Os cargos de secretário são prerrogativas do governador, corretíssimo! Os adjuntos, bem como os DGAs mais elevados, pelo que estamos vendo, atenderam os interesses de vários partidos, contudo o DEM nem ouvido foi. Sobraram migalhas, será isso que vão oferecer ao DEM, único partido com diretório em todos os municípios, companheiro de primeira hora desse projeto para Mato Grosso. Talvez o novo governador não queira ter sua imagem muito associada a dos ex-governadores Júlio e Jayme, mas se é isso, digo logo: Pura besteira, pois esses dois foram os melhores governadores, em termos de desenvolvimento do estado, que já tivemos. Mesmo assim, o Sr. Pedro Taques não pode se esquecer que o Democratas não é só Júlio e Jayme, lá tem muita gente competente e que também tem sonhos e necessidades. Como eleitor vou dar uma chance ao Governador, vou esperar uma resposta dele neste site a esta pergunta: Governador, o Senhor sente que fez ju

  • Pedro Lucas
    05 Fev 2015 às 09:41

    "Tenho fome!...Fome de Justiça!" ( Pedro Taques - Primeira frase proferida em seu discurso de posse). Fico pensando: faz parte do senso de justiça do Sr. Pedro Taques abandonar o DEM, não chamando-o até agora para ser contemplado com alguns cargos na sua administração. Logo o DEM, companheiro de primeira hora, o primeiro a manifestar apoio ao então candidato. Os cargos de secretário são prerrogativas do governador, corretíssimo! Os adjuntos, bem como os DGAs mais elevados, pelo que estamos vendo, atenderam os interesses de vários partidos, contudo o DEM nem ouvido foi. Sobraram migalhas, será isso que vão oferecer ao DEM, único partido com diretório em todos os municípios, companheiro de primeira hora desse projeto para Mato Grosso. Talvez o novo governador não queira ter sua imagem muito associada a dos ex-governadores Júlio e Jayme, mas se é isso, digo logo: Pura besteira, pois esses dois foram os melhores governadores, em termos de desenvolvimento do estado, que já tivemos. Mesmo assim, o Sr. Pedro Taques não pode se esquecer que o Democratas não é só Júlio e Jayme, lá tem muita gente competente e que também tem sonhos e necessidades. Como eleitor vou dar uma chance ao Governador, vou esperar uma resposta dele neste site a esta pergunta: Governador, o Senhor sente que fez ju

  • Pedro Lucas
    05 Fev 2015 às 08:16

    "Tenho fome!...Fome de Justiça!" ( Pedro Taques - Primeira frase proferida em seu discurso de posse). Fico pensando: faz parte do senso de justiça do Sr. Pedro Taques abandonar o DEM, não chamando-o até agora para ser contemplado com alguns cargos na sua administração. Logo o DEM, companheiro de primeira hora, o primeiro a manifestar apoio ao então candidato. Os cargos de secretário são prerrogativas do governador, corretíssimo! Os adjuntos, bem como os DGAs mais elevados, pelo que estamos vendo, atenderam os interesses de vários partidos, contudo o DEM nem ouvido foi. Sobraram migalhas, será isso que vão oferecer ao DEM, único partido com diretório em todos os municípios, companheiro de primeira hora desse projeto para Mato Grosso. Talvez o novo governador não queira ter sua imagem muito associada a dos ex-governadores Júlio e Jayme, mas se é isso, digo logo: Pura besteira, pois esses dois foram os melhores governadores, em termos de desenvolvimento do estado, que já tivemos. Mesmo assim, o Sr. Pedro Taques não pode se esquecer que o Democratas não é só Júlio e Jayme, lá tem muita gente competente e que também tem sonhos e necessidades. Como eleitor vou dar uma chance ao Governador, vou esperar uma resposta dele neste site a esta pergunta: Governador, o Senhor sente que fez ju

  • Maria
    05 Fev 2015 às 08:06

    Tão gastano demais com propaganda qualquer decisão taca mídia!

  • Ricardo
    04 Fev 2015 às 23:29

    Concordo, mas tbem poderia demitir muitos efetivos que não fazem nada em diversos órgãos. As vezes um comissionado trabalha justice ganha muito menos. EMPAER, mesmo tem muitos aposentados que só ficam esperado dia,30!!!!!!!!! E comissionados excelentes que estão sendo mandados embora por telefone Segundo o sinterp!!!!

  • FRANCISCO
    04 Fev 2015 às 21:05

    TODOS NOS SOMOS SUBSTITUÍVEIS, NÃO EXISTE ISSO QUE PESSOA É TÉCNICA E SOMENTE ELA QUE PODE FAZER AQUELE SERVIÇO, COMO SOMOS MORTAIS A PODEMOS SIM SER SUBSTITUÍDO, VAMOS LA GOVERNADOR PEDRO TAQUES EXONERA TODAS AS PESSOAS (DGA) QUE FEZ PARTE DOS DESGOVERNOS MAGGI/SILVAL, QUE TEM MUITAS PESSOAS DE CONFIANÇA QUE APOIOU SEU PROJETO E QUE NÃO FEZ PARTE DO DESGOVERNO SILVAL, AGUARDANDO UMA VAGA NO SEU GOVERNO E QUE MERECE POR SUA COMPETÊNCIA.

  • silva
    04 Fev 2015 às 20:28

    o governador falou tanto em motivação dos servidores públicos, falou muito nisso. e nomeou para a sema uma promotora que está assessorada por suas pessoas de confiança, todos ligados ao governo anterior, criando um clima de que nada vai mudar na sema, nada. a nomeação dessas pessoas na sema, particularmente da elaine corsini, que há 10 anos ocupa cargos de confiança e a sema ficou cada vez pior nesse período, além de todos saberem que apoiou o candidato do silval. isso é mudança? grande motivação governador com essa nomeação, grande motivação para os servidores de carreira da sema?

  • renato mello
    04 Fev 2015 às 20:09

    Engraçado, a sede de vingança é tanto que exoneraram 2 vezes o ADALBERTO MEIRA – Superintendente de Regularização Ambiental, Nível DGA-4, isso que eu falo que é vontade de exonerar mesmo kkkkkkk. que diga o paladino da jusitiça.

  • Guinha Fabiano
    04 Fev 2015 às 19:14

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • roberto
    04 Fev 2015 às 18:53

    CONHECIMENTO TÉCNICO? OU PARASITISMO, DUAS, OPORTUNISTA, CENTRALIZADORA, TRABALHA PARA OUTRO CANDIDATO CRITICA O GOVERNO E DEPOIS VEM PARASITÁ-LO? DA LICENCIA GOVERNO ESSA MULHER E ESSE CARA MERECEM DEMISSÃO SUMARIA É UMA AFRONTA AOS FUNCIONÁRIOS QUE TRABALHARAM PARA O SR. PARA GANHAR AS ELEIÇÕES.

Sitevip Internet