Olhar Direto

Terça-feira, 24 de novembro de 2020

Notícias / Cidades

Sexto integrante da quadrilha que tentou roubar avião e matou PF é morto em tiroteio

Da Redação - Wesley Santiago

21 Mai 2015 - 09:18

Foto: Reprodução

Sexto integrante da quadrilha que tentou roubar avião e matou PF é morto em tiroteio
O sexto integrante da quadrilha que tentou roubar um avião na cidade de Sinop (477 km de Cuiabá) na semana passada, foi morto em uma troca de tiros com policiais federais na madrugada desta quinta-feira (21). Segundo as informações, Daniel Tenório foi encontrado e não se entregou, iniciando o tiroteio. Na tentativa de roubo da aeronave, um policial federal acabou morto.

Leia mais:
Cinco são presos por morte de policial federal em tentativa de roubo de avião
 
O acusado estava com mandado de prisão em aberto. Na última terça-feira (19), ele quase foi preso pela Polícia Federal, porém, conseguiu escapar entrando em um matagal. Daniel era considerado o braço direito da quadrilha que já havia roubado um avião e tentaria realizar outro sinistro.
 
Para participar do roubo, o acusado recebeu R$ 180 mil. A ação aconteceu no aeródromo Canarinho, em Sinop. Na ocasião, o policial federal Mario Mattos, 33 anos, foi baleado durante uma troca de tiros e morreu. A Polícia Federal (PF) chegou a oferecer uma recompensa de R$ 2 mil para quem tivesse informações da quadrilha.
 
Uma coletiva de imprensa foi marcada para ás 10 horas, pelo delegado responsável pelo caso para falar da operação que culminou na morte do suspeito.  Estão presos também os acusados: Genivaldo Ferreira dos Santos, Rivelino Leismann, o “Chapolin”, o piloto que iria decolar com o avião e outro homem, que ainda não tiveram os nomes revelados.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet