Olhar Direto

Sexta-feira, 06 de dezembro de 2019

Notícias / Brasil

Chefe do tráfico na Cidade de Deus, Zona Oeste do Rio, é preso

g1

26 Nov 2016 - 21:00

Policiais militares do batalhão do Recreio prenderam em flagrante na noite desta sexta-feira (25) na Barra da Tijuca um dos chefes do tráfico de drogas na Cidade de Deus, na Zona Oeste do Rio. Leonardo Davi de Jesus, de 29 anos, conhecido como Jabá, foi preso com outro suspeito de tráfico, Mário Henrique dos Santos, de 20 anos. Com eles foram apreendidas grande quantidade de drogas, joias e mais de R$ 2 mil em dinheiro. Segundo os policiais, a quantia seria para subornar os agentes.

Na quarta-feira (24), a Polícia Civil realizou uma megaoperação na comunidade. A ação fez parte da investigação da queda do helicóptero da Polícia Militar que resultou na morte de quatro PMs e também da morte de sete homens que foram encontrados na região de mata da Cidade de Deus.

Os investigadores já têm duas informações sobre a queda do helicóptero da Polícia Militar, na Cidade de Deus, no sábado (19). A transmissão das imagens foi interrompida pouco antes da queda. E os documentos da aeronave estavam em dia.

Duas perícias foram realizadas no local: uma do Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE), que vai determinar a dinâmica da queda do helicóptero e a da Cenipa, que teve acesso a todos os equipamentos do aparelho pode determinar o que causou o problema na aeronave. A DH quer saber se o Cenipa conseguiu imagens da câmera interna da aeronave, que possam ajudar a entender o caso. Quatro policiais militares que estavam no helicóptero morreram na queda.

A DH também investiga se os sete homens encontrados mortos na mata, na Cidade de Deus, no fim de semana, foram executados ou não. Segundo a polícia, todos eles tinham passagens pela polícia, a maioria já tinha sido presa por tráfico de drogas. A polícia apura se eles foram mortos por traficantes, por policias militares ou por milicianos.

Na sexta (25), a Justiça do Rio decidiu que as polícias Civil e Militar não podem realizar operações de busca e apreensão coletivas na Cidade de Deus sem mandado judicial. Ao longo da semana, durante as operações policiais na região, moradores alegaram que suas casas foram invadidas e que tiveram as portas arrombadas.
Sitevip Internet