Olhar Direto

Sábado, 18 de setembro de 2021

Notícias | Política MT

​guerra de gestão

“Não quero fazer comparação”, responde Taques sobre desafio de Mauro Mendes

07 Mai 2018 - 11:40

Da Reportagem Local - Carlos Gustavo Dorileo

Foto: Rogério Florentino Pereira/ OD

“Não quero fazer comparação”, responde Taques sobre desafio de Mauro Mendes
O governador Pedro Taques (PSDB) baixou o tom do embate travado publicamente nas últimas semanas com o ex-aliado Mauro Mendes (DEM). Após sequência de farpas em que cada um apontou falhas administrativas do outro, Mendes lançou como desafio um comparativo de gestões. Questionado sobre a proposta do ex-prefeito de Cuiabá, o governador do Estado recuou e afirmou que não está preocupado com o processo eleitoral.

Leia também:
Taques ironiza Mauro Mendes e diz que suas empresas quebraram por fracasso
Mendes "abre" balanço de empresas e desafia Taques a comparar administrações
 
“Eu não quero fazer comparação. Eu não estou preocupado com a eleição agora. Eu estou preocupado em continuar trabalhando, administrando Mato Grosso, só isso”, desconversou, instantes após assinar ordem de serviço para a construção do Centro Inovação do Parque Tecnológico Mato Grosso, em Várzea Grande.
 
Na ocasião, Taques ainda evitou rebater com contundência as críticas que vem recebendo pelo fato de lançar uma série de obras em ano eleitoral. “Os adversários podem criticar à vontade. Me deixem trabalhar, só isso”.
 
 
Desafio das gestões
 
A proposta de Mauro Mendes para um comparativo de gestões surgiu após o governador Pedro Taques sugerir que as empresas do ex-adversário “faliram” por problemas administrativos.
 
A polêmica começou um pouco antes, quando Mendes assinou manifesto contra a reeleição de Taques. O texto, entre outras coisas, critica a administração do tucano. Segundo Mauro, gestão fracassou. Em evento do PSDB, Pedro Taques rebateu o ex-prefeito de Cuiabá com a seguinte frase: “algumas empresas quebram também por fracasso”.
 
A ironia de Taques fez a temperatura do debate subir ainda mais. Em entrevista à Rádio Capital, Mauro Mendes respondeu lançando um desafio ao agora adversário. “É muito simples, basta ver como eu peguei a Prefeitura de Cuiabá, pegar o balanço de 2012 e ver como entreguei em 2016. Se quiser fazer um desafio, também, vamos lá dentro da minha empresa. Ela teve problemas quando eu estive ausente, quando fiquei quatro anos cuidando de Cuiabá. Durante os 25 anos que lá estive, eu mostro todos os balanços. Ano após ano cresceu, deu lucro, deu resultados, por isso virou uma grande empresa. Eu saí de lá e infelizmente teve problemas. Agora, se o governador falou isso, vamos ver como ele recebeu o Estado em 2014 e vamos ver o balanço de 2017”.

“Se ele quis jogar conversa fiada para o meu lado, em mim não pega, porque graças a Deus eu tenho a minha história, respondo por ela e tenho muito orgulho dela”, acrescentou o empresário, em resposta à declaração dada por Pedro Taques na semana passada.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet