Olhar Direto

Sábado, 18 de setembro de 2021

Notícias | Política MT

foco no cidadão

Taques rebate prefeita Lucimar e diz que governo não trabalha para grupos políticos

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Taques rebate prefeita Lucimar e diz que governo não trabalha para grupos políticos
Alvo de críticas da prefeita de Várzea Grande, Lucimar Sacre Campos (DEM), o governador Pedro Taques (PSDB) afirmou que sua administração está sendo feita para melhorar a vida do cidadão e não para agradar 'grupos políticos'. Conforme o tucano, a população irá reconhecer o que ele está fazendo pelo município.

Leia mais
Lucimar cobra promessas de Taques: “Não pode dizer que pode ser feito e não fazer”

Taques minimiza críticas de casal Campos e diz que Várzea Grande sempre precisará de mais apoio


Na manhã desta segunda-feira (16), a prefeita, durante o recebimento do anteprojeto do Rodoanel, disparou contra o governador dizendo que ele não cumpriu algumas promessas no setor da saúde e de infraestrutura da cidade.

“Ele [Pedro Taques] não cumpriu, como é o caso da Avenida da FEB, caso de alguns trabalhos que teriam com a saúde, enfim, algumas situações que realmente não foram cumpridas. O que não pode é dizer o que pode ser feito, e não fazer”, cobrou a prefeita.

Em resposta, o governador disse que a população de Várzea Grande sabe o que ele vem fazendo pelo município e que a sua gestão trabalha para ajudar a sociedade. O tucano ainda destacou que o governo não trabalha para grupos políticos.

“Eu respeito a fala da prefeita da Lucimar. Mas o povo de Várzea Grande sabe o que eu fiz por Várzea Grande. Eu não administro para grupos políticos, administro para o cidadão que mais precisa”, rebateu.

Lucimar Campos, que até então sempre teve um bom relacionamento com o governador, parece ter mudado a postura, assim como seu marido, o ex-senador Jayme Campos, que decidiu assumir a condição de oposição fazendo críticas e evitado aparições públicas em eventos do atual governo.

O Democratas fazia parte da base de sustentação do governo Pedro Taques, porém com muitos filiados descontentes, o partido decidiu romper para apostar em um projeto, que tem como pré-candidato ao governo o ex-prefeito de Cuiabá Mauro Mendes, além de Jayme Campos para o Senado.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet