Olhar Direto

Segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Notícias / Política MT

Pinheiro promete ser “simples eleitor” de Wellington e fazer campanha fora do expediente

Da Reportagem Local - Fabiana Mendes/ Da Redação - Lucas Bólico

18 Ago 2018 - 16:43

Foto: Rogério Florentino Pereira/ OD

Pinheiro promete ser “simples eleitor” de Wellington e fazer campanha fora do expediente
O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), fez questão deixar claro desde o anúncio de aliança entre MDB e DEM que apoia a candidatura ao Governo do Estado de Wellington Fagundes (PR). Sua atuação, no entanto, deve ser tímida, conforme afirmou em entrevista concedida na manhã desta sexta-feira (17).

Leia também:
Emanuel Pinheiro diz que irá se manter neutro em relação ao apoio do MDB a Mauro Mendes
 
Emanuel garante que sua atuação se limitará a de um simples eleitor, pois está focado na administração da Prefeitura de Cuiabá. O prefeito, no entanto, se coloca à disposição para militar fora do expediente de trabalho.
 
“[Serei] um simples eleitor. [Vou ajudar] no que eu puder ajudar, até porque tenho compromisso com Cuiabá. Minha prioridade 001 é cuidar de Cuiabá, cuidar da vida das pessoas, cuidar da gestão pública da capital. Para isso eu fui eleito e nos horários que a lei permite, fora do expediente, o que eu puder colaborar e contribuir, eu vou fazer”, prometeu.
 
Apesar de declarar seu apoio a Fagundes, Pinheiro não se enxerga com peso “decisivo” para desequilibrar o pleito a favor de alguém. “A eleição vai ser disputada. A população cuiabana é extremamente crítica, politizada, participativa, inteligente, que cobra muito dos seus candidatos. Cobra projetos, propostas, compromissos com a construção de uma agenda verdadeiramente positiva, que possa fazer frente aos problemas da capital, do Estado e que possam vir a melhorar a vida das pessoas”, afirmou.
 
“É cedo ainda para dizer quem vai ganhar as eleições. Mas nós queremos e defendemos uma eleição de alto nível, uma eleição sem baixaria, sem agressões, sem chutes na canela, uma eleição que respeite o eleitor, que respeite a população cuiabana, que respeite a população mato-grossense e que se paute por propostas e ideias e programas, quem venham a melhorar o desenvolvimento do Estado de Mato Grosso, que possa diretamente impactar na melhoria na qualidade de vida de cada pessoa”, finalizou.
 
Mesmo discordando da aliança feita pelo MDB, Pinheiro aproveitou a oportunidade para elogiar o partido pelo qual se elegeu prefeito de Cuiabá. “Eu tenho um respeito pelo meu partido. É um partido democrático, um partido que se firmou na historia republicana brasileira, como partido da resistência e da democracia. É uma situação que nós já estamos conduzindo, com todo respeito às opiniões divergentes, mas acima de tudo mantendo a identidade e o compromisso popular do MDB”.
 
Além do apoio já declarado a Fagundes, Emanuel Pinheiro deve se engajar na campanha a deputado federal de seu filho Emanuelzinho (PTB).

Comentários no Facebook

Sitevip Internet