Olhar Direto

Quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

Notícias / Política MT

Pesquisa Ibope: Mendes comemora, Taques cita crise e WF se diz motivado

Da Redação - Lucas Bólico

25 Ago 2018 - 11:30

Foto: Olhar Direto

Pesquisa Ibope: Mendes comemora, Taques cita crise e WF se diz motivado
Os três principais candidatos ao governo de Mato Grosso reagiram à primeira rodada de pesquisa do instituto Ibope, que foi divulgada na noite de sexta-feira (25) pela TV Centro América. O líder, Mauro Mendes (DEM), comemorou os dados. Pedro Taques (PSDB), segundo colocado, também viu com bons olhos os números e destacou que enfrentou um governo durante grave crise econômica. Já Wellington Fagundes (PR) se disse motivado a conquistar mais votos, inclusive dos indecisos, mostrando que tem trabalho prestado.  
 
Leia também:
Pesquisa Ibope mostra Mauro Mendes líder isolado e Taques com maior rejeição

“Estamos muito satisfeitos com a demonstração de confiança dos eleitores. E isso nos motiva ainda mais a continuar mostrando as nossas propostas, junto com o nosso vice Otaviano Pivetta, no sentido de conquistar mais votos. Vamos trabalhar mais. Estar na frente é bom, mas isso nos dá mais vontade de trabalhar muito e continuar acelerando”, analisou Mauro Mendes. O empresário tem 32% das intenções de voto na categoria estimulada.
 
Pedro Taques destacou que é o único dos postulantes que vem de uma gestão com desgaste e entende que com essa leitura, os números apresentados pela pesquisa não são negativos. Ele tem 22% das intenções de voto, mas lidera rejeição com 45%.
 
“Pesquisa é um retrato do momento. Acompanho todas as pesquisas, inclusive nacionais. Eu recebo com muita alegria na verdade esse número, pois naturalmente, por estar à frente do executivo, por ter enfrentado a pior crise dos últimos anos no Brasil e o Estado recém saqueado, como todos sabem, chegar até aqui com essa aprovação popular, frente a outros que não estão sofrendo com essa exposição, é um sinal da confiança que muitos têm no nosso trabalho, caráter, honestidade e capacidade de gestão”, afirmou Taques.
 
“Hoje muitos ainda não conhecem tudo o que fizemos, e tenho certeza de que quando tomarem conhecimento, virão conosco seguir em frente também. Já temos testado isso em grupos internos, estudos internos e realmente impressiona. E poder ainda contar com esse grande contingente que pode ajudar a compartilhar isso, é uma alegria. Só tenho a agradecer. A caminhada fica mais curta desse jeito nesta campanha”, completou o governador.
 
Já Wellington Fagundes (PR) lembrou o número de indecisos e citou que pretende conquistar votos e apoio mostrando que tem trabalho prestado e com a força e pluralidade da coligação que montou.

“Isso é o que nos motiva. Primeiro pela nossa história de vida. Eu tenho viajado por todo interior de Mato Grosso e a cada local que chego é o reconhecimento da população pelo trabalho prestado. Então, essas pessoas todas serão os nossos motivadores e generais da campanha. E hoje essa campanha será muito curta”, avaliou.
 
“Nós conseguimos fazer uma aliança grande, são 10 partidos, uma aliança plural. Uma aliança onde nós temos a minoria, representantes de todos os setores, quilombolas, negros, enfim, sem olhar cor partidária, mas acima de tudo valorizando os partidos que estiveram conosco. Por isso é que nós formamos essa aliança confiável, uma aliança onde nós temos a esquerda e a direita presente”, completou.
 
A pesquisa
 
O empresário Mauro Mendes (DEM) lidera a primeira rodada de pesquisa do instituto Ibope em Mato Grosso, divulgada nesta sexta-feira (24) pela TV Centro América, filiada à Rede Globo no Estado. De acordo com o levantamento, realizado entre os dias 21 e 24 de agosto, o democrata totaliza 32% das intenções de voto.

O segundo colocado na disputa é o atual governador Pedro Taques (PSDB), que somou a preferência de 22% do eleitorado consultado. Em terceiro aparece o senador Wellington Fagundes (PR), com 15%. 
 
A pesquisa também revelou as intenções de voto de Artur Nogueira (Rede), que soma 2%. Moisés Frans (Psol) totaliza 1%. Brancos e nulos são 17% e 10% declarou que não saber em quem votar.

Rejeição

Pedro Taques lidera no quesito rejeição, com 45%. Na sequência, todos estão empatados: Mauro Mendes com 18%, Wellington Fagundes 18%, Arthur Nogueira 17% e Moisés Franz 15%.

Dados
 
A pesquisa Ibope foi registrada sob o número 04065/2018. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%. As entrevistas foram feitas entre os dias 21 e 24 de agosto e 812 eleitores foram ouvidos.
 
Cenário eleitoral
 
Está é a primeira pesquisa Ibope para as eleições de outubro para o Governo do Estado e mostra o cenário eleitoral às vésperas do início da propaganda gratuita de televisão, que se inicia na próxima sexta-feira (31), com dois blocos de programas no início e final da tarde, mais curtas inserções ao longo do dia.
 
O tempo de televisão é dividido proporcionalmente com base na representação de cada partido na Câmara dos Deputados. Com a coligação mais ampla, Wellington Fagundes é o que terá maior tempo de propaganda. Na sequencia, Mauro Mendes terá o segundo melhor tempo, seguido de Pedro Taques.

19 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • PEDRO
    27 Ago 2018 às 07:53

    O funcionalismo publico e o que mais ganhou com o governo Pedro Taques, todas a reposição salarías foram RGA, O Servidor que Trabalha iria votar no Governador, mas infelizmente tem servidor faz de conta.

  • Chacal
    27 Ago 2018 às 07:39

    Essa pesquisa indica somente um resultado, no segundo turno vão disputar Wellington Fagundes e Mauro Mentes.

  • Wagner
    26 Ago 2018 às 14:50

    Se o Taques está encostando no Mauro o Welligton então está empatado com o Taques. Façam as contas.

  • Fernando
    26 Ago 2018 às 14:26

    Sou funcionário público do estado como professor e esse governador vem exigindo coisas impossíveis de concretizar em um ano e cada ano novas exigências e nada de valorização. Pagamento em dia como em governos anteriores é um bom começo.

  • Vinícius
    26 Ago 2018 às 13:39

    Aroldo Nunes a rejeição impede o crescimento do Taques, que tinha até ontém dois primos presos por corrup no CCC. Mauro Mendes fecha votos em Cuiabá e VG e Wellington Fagundes fecha votos nas cidades pólos. Taques tem votos nos pequenos municípios que estão virando para o Wellington Fagundes e MM. Resumindo, já era!

  • Juca
    26 Ago 2018 às 11:11

    Como bom observador de campanha, vejo que os rivais nessa disputa são Mauro Mendes e Taques. Mas as pesquisas mostram também que Taques e Mauro disputarão o segundo turno. A rivalidade entre os eleitores de Mauro e Wellington, fará com o que os eleitores desse, votem no Taques no segundo turno. Dessa forma o governador sairá com mais votos e se reelegerá!

  • Aroldo Nunes
    26 Ago 2018 às 06:34

    Taques esta encostando. O problema e o grupo de Mauro, quase todos na delação de Silval.

  • J. ALVES
    26 Ago 2018 às 00:09

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Jackson
    25 Ago 2018 às 20:29

    Ana sossega!!! Não adianta, PT vai ladeira abaixo!! Kkkkk

  • Carlos Nascimento
    25 Ago 2018 às 18:17

    QUEM NAO TEM COMPETENCIA PRA ADM A PROPRIA EMPRESA VAI TER CAPACIDADE P ADM OS ESTADO DE MT? É PIADA MESMO!! FORA AVES DE RAPINA. POVO NAO É BESTA SABE COM QUE VC ESTA ALIADO!!

Sitevip Internet