Olhar Direto

Segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Notícias / Política MT

Lupi chama Dante e Taques de “aves de rapina” e diz que PDT vai abater tucanos

Da Redação - Érika Oliveira

25 Ago 2018 - 16:51

Foto: Assessoria Zeca Viana

Carlos Lupi aperta mão de Zeca Viana

Carlos Lupi aperta mão de Zeca Viana

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, classificou o ex-governador Dante de Oliveira, já falecido, e o atual governador Pedro Taques (PSDB) como “aves de rapina” - pássaros carnívoros e caçadores -, por terem sido eleitos pelo seu partido e logo em seguida migrarem para o PSDB.

Leia mais:
Ciro ressalta agro, defende infraestrutura para MT, ação na fronteira e critica Taques

“São as chamadas aves de rapina, que quando a gente menos espera elas são abatidas também. Acho que nessa eleição vamos abater os tucanos”, declarou Lupi, durante a visita do presidenciável Ciro Gomes (PDT) a Cuiabá na última sexta-feira (24).

Durante o evento promovido para receber Ciro, Lupi aproveitou para agradecer o deputado Zeca Viana (PDT), presidente da sigla no Estado, por ter feito uma oposição, segundo ele, quase isolada, ao governador Pedro Taques na Assembleia Legislativa. “Parabéns por não ter se curvado, Zeca”, disparou.

Taques foi eleito senador e governador pelo PDT, mas logo nos primeiros meses de gestão foi para a sigla tucana. O rompimento com Zeca Viana, que além de parceiro político era seu amigo pessoal, se deu na mesma época.

Este ano, além de Viana, outras dezenas de aliados de Taques anunciaram publicamente o rompimento com o atual governador. Foi nessa época que o ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta, que também faz parte do grupo de dissidentes, se filiou ao PDT e passou a compor chapa com Mauro Mendes (DEM), considerado até o momento o principal adversário de Taques na corrida pelo Paiguás.

Dante, por sua vez, se elegeu governador também pelo PDT, em 1994. Ele decidiu ir para o PSDB cerca de um ano depois de assumir o Paiaguás. O ex-governador, que faleceu em 2006, permanece presente nos discursos de Pedro Taques e chegou a dar nome à coligação tucana nas eleições de 2016 pela Prefeitura de Cuiabá.

Questionado sobre o receio de ver a história se repetir, em caso de vitória da chapa DEM-PDT, Lupi citou Chico Buarque. “Tem que lembrar Chico Buarque, que citou: “pai afasta de mim esse cálice”. Não quero mais”.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet