Olhar Direto

Segunda-feira, 06 de julho de 2020

Notícias / Cidades

Projeto da Energisa faz cadastro da Tarifa Social em cidades de Mato Grosso

Da Redação - Thais Fávaro

30 Ago 2018 - 14:17

Foto: Reprodução

Projeto da Energisa faz cadastro da Tarifa Social em cidades de Mato Grosso
Termina hoje o período de inscrição na Tarifa Social de Energia Elétrica da Energisa. O projeto Nossa Energia está até quinta-feira (30) em Guiratinga, Nortelândia e Alto Taquari em busca de clientes da Energisa Mato Grosso que estão aptos a receber o desconto.

Leia mais
Famílias de baixa renda recebem geladeiras e vem aí a tarifa social na conta de água
 
Em Guiratinga, a unidade móvel estará amanhã na Escola Tenente Daniel Aluízio Nazário. Na quinta-feira (30), estará na Praça Central.  Em Nortelândia, as equipes do projeto estarão na Escola Estadual Olegário Moreira de Barros. Amanhã o caminhão irá para a Praça Edgar de Araújo. Já em Alto Taquari as atividades acontecem na Escola Municipal Elzinha Lizardo Nunes amanhã, e na quinta-feira, no Ginásio de Esportes Rodrigo Briancini.
 
O atendimento é sempre das 8h00 às 11h30 e das 13h30 às 17h00. Na quinta-feira, além do atendimento normal, também há equipes no local das 18h00 às 19h00.
Para o encerramento da visita na cidade, uma peça teatral gratuita leva conhecimento sobre economia de energia para os espectadores. O projeto também tem palestras sobre uso eficiente e seguro de energia, experiências, troca de lâmpadas e informações sobre eficiência energética.

Tarifa Social - A Tarifa Social é um projeto do Governo Federal que pode dar até 65% de desconto nas faturas de energia de quem estiver cadastrado, dependendo do consumo de cada cliente e se atendem os pré-requisitos do programa federal. Pela regulamentação do benefício, clientes que conseguem até 30 kWh/mês têm 65% de desconto. Acima de 30kWh/mês até 100 kWh/mês tem 40% de desconto. Aqueles que consomem acima de 100 kWh/mês de consumo até 220 kWh/mês de consumo têm 10% de desconto. Acima de 220 kWh/mês não tem desconto.
 
Para se cadastrar na Tarifa Social, é necessário que o cliente esteja adimplente (com a última fatura de energia quitada), possua cadastro no NIS em Mato Grosso e tenha renda per capita de até meio salário mínimo. Todos estes pré-requisitos são definidos pelo Governo Federal. Os pedidos passam por uma análise antes da confirmação do benefício. Quando for até o local onde o projeto Nossa Energia está, o cliente precisa ter em mãos um documento pessoal com foto e uma conta de luz em seu nome.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet