Olhar Direto

Quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Notícias / Política MT

Taques garante prestação de contas e pede que eleitor “avalie” operação durante campanha

Da Reportagem Local - Carlos Gustavo Dorileo e Lucas Bólico

03 Set 2018 - 19:01

Foto: Rogério Florentino Pereira/ OD

Taques garante prestação de contas e pede que eleitor “avalie” operação durante campanha
O governador Pedro Taques (PSDB) defendeu lisura nos pagamentos da Caravana da Transformação e pediu que o eleitor faça uma “avaliação” da operação “Catarata”, deflagrada pelo Gaeco na manhã desta segunda-feira (3), para apurar irregularidades no programa, que é um dos principais da atual gestão.

Leia também:
MP tem evidências de 'cirurgias fantasmas' na Caravana da Transformação e secretário será ouvido

Taques ainda prometeu que sua equipe técnica concederá entrevista coletiva para esclarecer os números da caravana e afirmou que o Governo do Estado sempre trouxe os órgãos de controle e fiscalização para “dentro” do prohrama.
 
“A caravana existe desde 2016. Em todas as edições o Ministério Público é convidado por ofício. Em todas as edições o Tribunal de Contas é convidado. Ao final de cada edição nós mandamos um documento com todos os gastos para o Ministério Público, para o Tribunal de Contas. Foram 14 edições da Caravana da Transformação, em 141 municípios do estado. Atendemos 350 mil pessoas, 70 mil cirurgias de catarata, 62 mil exames e agora, a 30 dias das eleições, depois de quase dois anos e meio em que todas as etapas foram concluídas, veio esta operação”, argumentou Pedro Taques, após participar de evento na Famato com demais candidatos.
 
“Nós vamos prestar todas as contas devidas. Amanhã a equipe técnica dará uma entrevista coletiva sobre isso e vai mostrar que nós fizemos a coisa certa. Agora, porque todas as 14 edições todos os documentos enviados ao Ministério Público, [foram] convidados os representantes do Ministério Público, o coordenador da caravana na cidade chama, faz uma reunião com todos os promotores, os juízes, fazemos um relatório de todos os gastos, tudo auditado pelo Sus, pela Vigilância Sanitária, e vem uma operação a 30 dias antes das eleições ai o cidadão vai avaliar isso”, completou.
 
Mauro Zaque

O promotor de Justiça Mauro Zaque, coordenador do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público, afirmou em entrevista, na tarde desta segunda-feira (03), que o Ministério Público Estadual (MPE) já tem evidências das supostas fraudes ocorridas nas cirurgias oftalmológicas da Caravana da Transformação. Segundo ele, os fatos são graves e o secretário de Saúde, Luis Soares, deverá ser ouvido na terça-feira (04).
 
“Esta operação investiga possíveis fraudes desenvolvida nas cirurgias oftalmológicas da Caravana. Temos inclusive pessoas que constam na relação como se tivessem sido submetidas as cirurgias, mas não foram. Temos outros elementos, mas não podemos divulgar, para não atrapalhar os trabalhos”, explicou o promotor.
 
Segundo Mauro Zaque, as denúncias partiram do Conselho Estadual de Saúde, há pouco mais de um mês. Os fatos investigados seriam graves e envolve um contrato de R$ 50 milhões do Estado com a empresa 20/20, que é alvo da ‘Operação Catarata’.
 
Questionado se enxergava na Atuação de mauro Zaque um direcionamento político, Taques desconversou. “Não vou fazer juízo de valor, amanhã nós teremos uma entrevista coletiva me parece com a equipe técnica”, limitou-se a dizer.

Operação
 
Agentes do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) de Mato Grosso e São Paulo cumpriram mandados de busca de apreensão na Secretaria de Estado de Saúde e na empresa 20/20, no nome de Fábio Vieira da Silva, localizada em Ribeirão Preto (SP). A operação foi batizada de 'Catarata'.
 
De acordo com o coordenador do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público, promotor de Justiça Mauro Zaque, o objetivo da operação é apurar “fatos graves na execução do contrato da Caravana da Transformação no tocante aos serviços de oftalmologia”.
 
Os mandados de busca e apreensão foram deferidos pela juíza Célia Vidotti em ação cautelar proposta pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso, por meio do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público de Cuiabá.
 
Caravana
 
A Caravana da Transformação foi implantada pelo governador Pedro Taques (PSDB), em 2016. O principal objetivo é zerar as filas de cirurgias oftalmológicas em todo o estado. Ao todo, já foram 14 edições. O chefe do Executivo e candidato à reeleição tem falado com orgulho sobre o programa em suas entrevistas e debates.

6 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Zeus
    04 Set 2018 às 07:35

    Já avaliamos baixinho, desde quando você colocou aquele outro baixinho chato, sabe né seu primo hornestro. Lembramos bem dele bancando o cara na greve do detran, enfim, lembramos de tudo. Principalmente do pagamento que era no dia 03 e hoje é no dia 05 do próximo mês. Volta Silval!!!

  • silvio lopes de moraes
    04 Set 2018 às 06:56

    Sim será avaliado também as outras desse governo de lama,grampolândia,detran,seduc e por ai vai.FIQUE LIGADO ELEITORES .

  • Arnaldo Leite Albquerque
    03 Set 2018 às 22:18

    Prof.º Pedro taques v.e. como profissional do direito sabe muito bem, que prestação de contas, não é um favor que os gestores públicos fazem para a população não. É uma obrigação que no dia de sua posse, se o drº esqueceu o sr promenteu, e se não cumpriu agora é que vai cumpri, acredito.

  • Jonas
    03 Set 2018 às 21:24

    É só verificar quanto paga para as empresas de som palco luz diárias pra funcionários públicos hotéis refeições e vê a propaganda estampada. Pedro Taques governador da destruição

  • Ex Eleitor
    03 Set 2018 às 20:59

    Caravana da farsa!

  • Jorge
    03 Set 2018 às 19:28

    PEDRO TAQUES O NOVO LULA PANTANEIRO SÓ ROUBALHEIRA