Olhar Direto

Sábado, 16 de novembro de 2019

Notícias / Política MT

Procurador diz não acreditar em pesquisas e que vê em aceitação nas ruas a chance de vencer

Da Redação - Carlos Gustavo Dorileo

30 Set 2018 - 14:14

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Procurador diz não acreditar em pesquisas e que vê em aceitação nas ruas a chance de vencer
O candidato ao Senado Procurador Mauro (Psol) disse não acreditar nas pesquisas divulgadas em todo o Estado até então e afirmou que a aceitação que está recebendo das pessoas nas ruas é o maior termômetro para sua chance de vitória nas urnas na eleição que acontece no dia 7 de outubro.

Leia também
Pesquisa Access mostra Fávaro na disputa com Selma pela segunda vaga ao Senado


Mesmo figurando sempre entre os três primeiros colocados em algumas das pesquisas, o Procurador da Fazenda Nacional e cantor declarou que os números apresentados até então não são confiáveis e não refletem o que está vendo nas ruas durante sua campanha.

“Nesta eleição o que temos visto nas ruas, e eu que sou um crítico de pesquisas, vej os resultados conflitantes. Tem pesquisa que o resultado dá a diferença entre um e outro de 14 pontos. Então com esses resultados conflitantes, acho que não dá para confiar. O que acredito mesmo é a aceitação que nós estamos tendo nas ruas, nas redes sociais. Vejo que vamos chegar no dia 7 de outubro com muita chance de conseguir a vitória”, disse em coletiva de imprensa ao lado do presidente nacional do partido Juliano Medeiros nesta quinta-feira (27).

O socialista também criticou os ataques a sua candidatura com as famosas ‘fake news’ e vídeos apócrifos sendo divulgados em redes sociais e em grupos de WhatsApp. De acordo com o candidato, algumas medidas judiciais já foram tomadas, mas vem combatendo o caso com propostas a população.

“Vemos que os problemas das chamadas ‘fake news’ é um problema internacional. Aqui nós sofremos com isso em 2016 e estamos sofrendo também nestas eleições. Em algumas situações nós tomamos medidas judiciais. Temos trabalhado bastante respondendo com nossas propostas e com uma grande tranqüilidade por que a nossa candidatura muito representa o que nós somos”, explicou.

Esta já é a sétima vez que Procurador Mauro se candidata a um cargo eletivo desde 2016. Em 2014, disputando uma vaga na Câmara Federal, ele conseguiu mais de 84 mil votos no estado, mas acabou não sendo eleito porque o Psol não conseguiu atingir o quociente eleitoral do estado.

Já em 2016, concorrendo ao cargo de prefeito de Cuiabá, Mauro que começou disparado nas pesquisas, acabou ficando em terceiro colocado, com 71,3 mil votos.
 

9 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Imposto pago retorno zero
    01 Out 2018 às 13:44

    SEU PROBLEMA NUMERO 1 É O PARTIDO IDEIAS ULTRAPASSADAS DEMAIS

  • ZEZO FOFO
    01 Out 2018 às 07:52

    EU TE PERGUNTO: ALÉM DE LAMBADÃO E BUSCAR DEVEDORES DA RF QUAL O CACIFE DESTE CIDADÃO PARA ELABORAR LEIS QUE VÃO COLOCAR VOCE E SUA FAMILIA EM CHEQUE? VC NÃO ACHA QUE ESTE TÁ MAIS PRA VOCALISTA DO QUE PARA LEGISLADOR? DEPOIS NÃO RECLAMA........

  • Jovem bonito
    01 Out 2018 às 05:59

    Voto nele tranquilamente. Aliás é o meu primeiro voto do senado!

  • Francisco
    30 Set 2018 às 21:46

    PSOL nunca!

  • Botelho pinto
    30 Set 2018 às 19:07

    O candidato que maior representa nosso estado. Os outros só querem defender as pautas dos ruralistas que destroem nosso meio ambiente. #PM500 #pramudar

  • RAFAEL CESAR
    30 Set 2018 às 18:08

    Pode até ser Boa pessoa, mas no partido diabólico que está nunca tera meu respeito muito menos meu voto.

  • augusto
    30 Set 2018 às 18:07

    veja bem...se queremos algo novo e estamos cansados dos políticos profissionais...é o caso de votar nele...até pq são dois votos pra senador...e parto do princípio que é um procurador e tem profissão definida...não vive da política. tem um dos.meus votos para o senado...

  • Pedro
    30 Set 2018 às 16:09

    Quem vota em um sujeito desses deve ter demência.

  • Elvis Crey
    30 Set 2018 às 15:45

    Sinto a mesma coisa...

Sitevip Internet