Olhar Direto

Segunda-feira, 22 de julho de 2019

Notícias / Cidades

Obreiro de igreja é preso por abusar de menina de sete anos em Cuiabá

Da Redação - Fabiana Mendes

17 Jun 2019 - 16:42

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Obreiro de igreja é preso por abusar de menina de sete anos em Cuiabá
Um homem que atuava como obreiro de uma igreja evangélica, identificado como Jovelino Teles de Menezes, de 64 anos, foi preso pela Delegacia Especializada de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Deddica), na manhã desta segunda-feira (17), em Cuiabá, por suspeita de abusar de uma menina de sete anos, que participava das atividades religiosas. 

Leia mais:
Três estabelecimentos são interditados por poluição sonora em Várzea Grande

De acordo com informações da Polícia Civil, ele foi detido após descobrimento de um mandado de prisão preventiva em aberto (condenação com pena de seis anos de reclusão) pelo crime de estupro, decretado pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Cuiabá. Além desse cumprimento, o mesmo foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável, cometido contra uma menina de sete anos.

Conforme apurado, na noite de domingo (16), os membros da congregação chamaram o pastor e comunicaram que um frequentador da igreja, localizada no bairro Cidade Alta, abusou sexualmente de uma criança de sete anos que participava de atividades evangélicas.

Após ciência dos fatos e visando tomar providências, o pastor acompanhou o suspeito na manhã desta segunda-feira (14), até a Deddica para esclarecimentos dos fatos. Na ocasião, Jovelino Teles foi ouvido e negou as acusações. No entanto, durante buscas no sistema, a Polícia localizou uma ordem de prisão preventiva expedida em desfavor do suspeito pelo crime de estupro. Questionado, ele confirmou o estupro referente a esse mandado, porém alegou que não sabia da condenação.

Os investigadores da Deddica foram até a residência da vítima, onde em conversa com a mãe da menina foram confirmados os fatos. Conforme relato da menor, o abuso aconteceu quando a menina  foi até bebedouro de água, onde o suspeito a segurou pelo braço e acariciou as suas partes íntimas. 

Diante das informações, a menina foi conduzida à Deddica e atendida pela equipe psicossocial da Especializada, ficando comprovados os abusos. Com base nos indícios de crime e provas de autoria, o suspeito foi autuado em flagrante pelo estupro de vulnerável. 

Após a confissão dos atos, o acusado será apresentado para audiência de custódia no Fórum de Cuiabá, ficando à disposição da Justiça. As investigações continuam com intuito de identificar outras possíveis vítimas do suspeito.

7 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Dona Mariquinha do Verdão
    19 Jun 2019 às 07:39

    LC ... onde esse tarado mora? perto de onde?

  • Vanderlei
    18 Jun 2019 às 18:30

    Ridículo esse comentário seu valdomiro com letra minúscula... aliás minúsculo é o seu raciocínio pois o Bolsonaro tá tentando fazer justiça e acabar com a corrupção no país... É a favor de penas pesadas pra pedófilos e vc comparando esse pedófilo com eleitores do Bolsonaro ? Te orienta cara !!!

  • en
    18 Jun 2019 às 17:29

    Rosa.. conheço o pastor e sua indole, carater e vida... mas infelizmente não da para generalizar... se houver alguem no teu seio familiar que faz algo de errado, é licito comparar vc com ele?... ou zizer que sao farinha do mesmo saco? os homens tomam decisoes e serao julgados por elas... quer sejam boas ou ruins, mas isso é de carater pessoal e nao comunitario...

  • valdomiro
    18 Jun 2019 às 14:08

    Religioso, de principios, homem de bem e de familia, provavelmente eleitor de bolsoliro. Tá aí o padrão desses tarados que se escondem atras de boas morais mas são os mais podres q existem.

  • LC
    17 Jun 2019 às 23:18

    Há muito tempo já sabemos aqui no bairro que ele mexe com menores de idade. Que venha uma pena muito rígida. Isso é inadmissível!

  • Cuiabano
    17 Jun 2019 às 22:41

    Deveria cortar o bilal desse montro

  • Rosa
    17 Jun 2019 às 18:36

    Um absurdo o pastor sem noção ainda foi acompanhar esse tarado para defender a cara não nega casa coisa dentro desse lugar imagina o que acontece mais

Sitevip Internet