Olhar Direto

Quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Notícias / Política MT

Mauro comemora melhora no caixa e anuncia expectativa de quitar salários em parcela única ainda este ano

Da Redação - Érika Oliveira

15 Out 2019 - 15:03

Mauro comemora melhora no caixa e anuncia expectativa de quitar salários em parcela única ainda este ano
O governador Mauro Mendes (DEM) anunciou na noite desta segunda-feira (14) que o Governo trabalha com a expectativa de pagar os salários dos servidores em uma única parcela já no mês de dezembro deste ano. A redução do escalonamento teve início este mês, quando o Executivo quitou a folha em duas prestações. Para o democrata, sua gestão começa a “colher os frutos” das medidas adotadas desde que assumiu o Paiaguás.

Leia mais:
Sefaz projeta retomada do equilíbrio fiscal em 2020 e destaca “freio” nas despesas com pessoal

“Começamos a colher os frutos. Nesse mês de outubro pagamos em duas parcelas o salário do servidor e não mais em três. Isso mostra claramente que estamos conseguindo nos recuperar e a expectativa é que em dezembro possamos pagar em uma única parcela. É a grande meta do Governo”, disse o governador, em entrevista ao programa Resumo do Dia.

No mês passado, após reestruturação do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2020, o relator da matéria no Legislativo, deputado Dr. Eugênio (PSB), anunciou que o Estado saiu de uma previsão de orçamento deficitário para um superávit de R$ 122 milhões.

Bastante polêmica, a minirreforma tributária acoplada ao texto do PLC 53/2019 estabeleceu novas alíquotas de contribuição do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para alguns setores e deverá, entre as medidas austeras adotadas por Mendes até aqui, a medida de maior impacto no orçamento do Estado.

Num tom bem mais descontraído do que o comumente demonstrado nos últimos meses, Mendes citou durante a entrevista uma série de ações que conseguiu desempenhar a frente do Executivo, entre elas o pagamento das dívidas que ele herdou, que compõem os restos a pagar.

“Nós já pagamos quase R$ 1,5 bilhão de dívidas anteriores a 2019, contraídas por outras gestões”, disse, acrescentando que somente com as despesas da Saúde já foram quitados R$ 400 milhões.

O governador também aproveitou para falar da retomada de mais de 100 obras de infraestrutura das quais, segundo ele, boa parte é tocada com recursos do Fundo de Transporte e Habitação (Fethab). Somente na região de Cuiabá são 16 obras e, após a retomada, “nenhuma paralisou por falta de pagamento”, destacou.

Além das obras de infraestrutura, de acordo com o governador, também foram retomadas obras da Educação, como reforma e construção de novas escolas, quadra esportivas e climatização de ambientes escolares. O valor em obras retomadas supera R$ 80 milhões.

14 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • maizabatista
    16 Out 2019 às 11:05

    vcs tem que ver que quem começou o escalonamento nao foi o governador Mauro Mendes, memoria faca de quem critica, eu acredito no governo. dias melhores virao

  • Bianca
    16 Out 2019 às 08:44

    Essa foi a melhor piada de 2019????????????

  • Do EXECUTIVO
    16 Out 2019 às 00:39

    ABSURDO ESSE RACIONAMENTO DE SALÁRIO. É OBRIGAÇÃO PAGAR INTEGRALMENTE, NÃO É FAVOR.

  • Jane
    15 Out 2019 às 21:51

    Espere os resultados das urnas seu MAUROMENTE. Acha que pagar o salário numa única parcela te faz um herói? Espere pra ver... O servidor do EXECUTIVO com a sua família e amigos Irão te agradecer, as inúmeras sacanagens, na urna.

  • Eliane claudino
    15 Out 2019 às 21:36

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Indignado.
    15 Out 2019 às 20:29

    Não é mais do que sua obrigação governador!Só mesmo o pior governador de MT para parcelar salários e esse é você ,a pergunta que deveriam lhe fazer é:Voce governador se lembra das suas promessas de campanha para os servidores do executivo?Mas ninguém faz!

  • Cansada de ser enganada
    15 Out 2019 às 20:20

    Até eu que sou do comércio e não sou servidora não acredito nessa conversa fiada?

  • Teka Almeida
    15 Out 2019 às 17:46

    Esse Mauro MENTE realmente é uma piada, faz da obrigação um ato de sensacionalismo. Esse é o governo FAKE NEWS, em véspera de eleições municipais já quer tornar o seu candidato a solução para Cuiabá, mas saiba vai levar FERRO e quanto ao seu tempo, restam apenas 3 anos e 2 meses passam rápido.

  • ZE RUELA
    15 Out 2019 às 17:21

    EU QUERO SABER E O 13 SALARIO E O MEU RGA GOVERNADOR. DA UMA DE BONZINHO E PAGA LOGO. AS ELEIÇOES ESTÃO CHEGANDO, AI EU QUERO VER A LAPADA.

  • gilberto
    15 Out 2019 às 16:45

    É .... o que faz a proximidade de uma eleição, eu particularmente não voto em quem, nem em nenhum apoiado por quem me traiu é na eleição que se dá a resposta.