Olhar Direto

Quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Notícias / Política MT

Ex-presidente da Câmara é preso acusado de desvio de dinheiro público do Estado

Da Redação - Wesley Santiago

22 Out 2019 - 07:44

Foto: Fabiana Mendes/Olhar Direto

Ex-presidente da Câmara é preso acusado de desvio de dinheiro público do Estado
O ex-presidente da Câmara de Vereadores de Cuiabá, WIlson Teixeira (Dentinho) foi preso na manhã desta terça-feira (22), durante a operação 'Quadro Negro', deflagrada pela Delegacia Especializada de Crimes Fazendários e Contra a Administração Pública (Defaz), com o objetivo de apurar desvios de dinheiro público no antiga Cepromat.

Leia mais:
Empresário Valdir Piran e outras seis pessoas são presas por desvios de dinheiro público

O ex-vereador e ex-deputado estadual atuou como presidente do Centro de Processamento de Dados do Estado (Cepromat), atual Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI), durante a gestão do ex-governador Silval Barbosa, em 2014.

O mandado de prisão contra ele foi cumprido em um condomínio de luxo de Cuiabá, por policiais da Defaz.

As ordens judiciais foram decretadas pela juíza Ana Cristina Silva Mendes da 7ª Vara Criminal da Capital. Ao todo foram expedidos seis mandados de prisão preventiva e sete de busca e apreensão domiciliar, que serão cumpridos nas cidades de Cuiabá (MT), Brasília (DF) e Luziânia-GO.

Além de 'Dentinho', também foram presos o empresário Valdir Piran e também outro presidente do extinto órgão, Djalma Soares.

Além dos mandados, foi decretado o sequestro de mais de R$10 milhões, em valores, imóveis e veículos de luxo. 

'Quadro Negro'

Operação Quadro Negro remete ao quadro e giz que ainda funcionam nas escolas, já que as lousas digitais eram falsas, bem como à situação (quadro) estrutural crítica que a educação básica se encontra em razão dos prejuízos causados pelos desvios.

9 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Itamar
    22 Out 2019 às 15:07

    Olá boa tarde o que adianta prende o homem hoje e solta amanhã só pra fazer o dinheiro gitar

  • Paolo
    22 Out 2019 às 14:27

    A pulissa descobriu isso só agora?? KKKKKKKKKK.

  • Cidadão de bem
    22 Out 2019 às 13:43

    Ladrões, canalhas.

  • CHIRRÃO
    22 Out 2019 às 10:24

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Adao
    22 Out 2019 às 10:13

    O cara roubou dinheiro público e, vem outro cidadão falar em abuso de autoridade. Inversão de valores

  • paulo roberto
    22 Out 2019 às 09:45

    Mário tá com dó do Piran, leve para sua casa.......voçe deve ser parente dele!! kkkkk

  • HRomeu
    22 Out 2019 às 09:19

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Mário
    22 Out 2019 às 09:10

    Não se discute aqui o mérito das prisões. Mas essa foto do Piran descabelado certamente foi feito pela própria polícia. Qual a importância disso para investigação. E essa exposição. Qual a utilidade? Isso é puro exemplo de abuso de autoridade.

  • José Alencar Duarte
    22 Out 2019 às 08:12

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.