Olhar Direto

Terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Notícias / Cidades

Advogado executado em carro é tio de prefeito de Santo Antônio de Leverger; latrocínio descartado

Da Redação - Fabiana Mendes e Wesley Santiago

04 Dez 2019 - 11:12

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Advogado executado em carro é tio de prefeito de Santo Antônio de Leverger; latrocínio descartado
O advogado trabalhista identificado como Antônio Padilha, executado a tiros por um motociclista, na manhã desta quarta-feira (4), nas proximidades da Avenida dos Trabalhadores, no bairro Jardim Leblon, em Cuiabá, é tio do prefeito de Santo Antônio de Leverger (a 33 quilômetros de Cuiabá), Valdir Castro Pereira Filho. Conforme apurado pelo Olhar Direto, a vítima seria irmão da mãe do prefeito, que estaria na Capital para acalmá-la.

Leia mais:
Advogado é executado em carro por motociclista em Cuiabá; veja fotos e vídeo

O delegado Marcel Gomes de Oliveira, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), descartou a informação de que o advogado teria sido vítima de latrocínio [roubo seguido de morte], durante entrevista na cena do crime. Segundo ele, as informações serão levantadas para o inquérito, que é sigiloso.

"Nada de relevância foi localizado dentro do carro. Seria precipitado dizer qualquer informação de possíveis motivações. A partir de sexta-feira estaremos ouvindo todas as testemunhas que estão sendo intimadas. Estaremos fazendo também a analise das câmeras do local", afirmou.

Segundo informações da Polícia Militar, um motociclista teria se aproximado do veículo e batido no vidro. Como o motorista se recusou a abrir, o suspeito teria feito os disparos e depois fugiu.

Testemunhas também relataram que a vítima teria feito um saque em uma agência bancária e estaria com dinheiro no carro. No entanto, conforme o delegado, nada de relevante foi encontrado no interior do veículo. O corpo deverá ser encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exame de necropsia.

12 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Antônio
    06 Dez 2019 às 08:40

    Assalto !?!?!?

  • Raimundo
    05 Dez 2019 às 11:35

    Herança dos 15 anos de ascensão da bandidagem no Brasil, nunca na história desse país houve tanto progresso como das facções criminosas como no desgoverno do condenado por corrupção, também esperar o que de um criminoso.

  • Iara
    04 Dez 2019 às 21:51

    Nao é de hoje,Pra quem.critica o governo, que cidadãos do bem.sao prisioneiros e os bandidos vivem a solta..Infelizmente hoje se mata por pouco, Ninguém é amigo de ninguém.

  • Ad
    04 Dez 2019 às 19:27

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • MARCOS ANTONIO PEREIRA
    04 Dez 2019 às 15:12

    Com esse STF trabalhando contra que quer fazer justiça fica difícil. Mesmo assim estudos mostram que os homicidas baixaram muito. Agora jogar nas costas do novo governo é no mínimo fanatismo da esquerda pois tiveram quase 15 anos para mudar.

  • Gumercindo do Dom Aquino
    04 Dez 2019 às 14:39

    É a cruel banalização da violência. Ainda se mata sem qualquer apreço pela vida. Pessoas más desprovidas de amor ao próximo. Vidas preciosas são perdidas de forma cruel e os assassinos agem como se o crime de morte fosse uma coisa rotineira e normal em uma a sociedade. Muito triste saber que o homem ainda não evoluiiu o suficiente. Lamentável ...

  • Augusto
    04 Dez 2019 às 14:13

    Por essas e outras to pensando seriamente em deixar Cuiaba.. Bandido ta fazendo o que quer.. quero ter qualidade de vida.. e não viver com medo.

  • Paolo
    04 Dez 2019 às 14:09

    Vetado por conter expressões ofensivas e/ou impróprias, denúncias sem provas e/ou de cunho pessoal ou por atingir a imagem de terceiros. Queira por favor refazer seu comentário e reenviá-lo.

  • Zeca
    04 Dez 2019 às 13:58

    Conheci esse senhor ! Que mundo e esse que vivemos que brutalidade

  • Vinicius
    04 Dez 2019 às 12:53

    Concordo com Voce Edgar, antes desse presidente entrar teria tanta promessa contra a bandidagem e hoje como esta no poder não vimos nada ate o mento e creio que não veremos porque o mesmo e bundam

Sitevip Internet