Olhar Direto

Quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020

Notícias / Cidades

Policiais impedem colega de farda de tirar a própria vida em Cuiabá

Da Redação - Fabiana Mendes

13 Jan 2020 - 09:50

Foto: Rogério Florentino Pereira/OD

Policiais impedem colega de farda de tirar a própria vida em Cuiabá
Policiais militares impediram que um colega de farda, de 35 anos, tirasse a própria vida, nas dependências na Unimed, na avenida Barão de Melgaço, no Centro de Cuiabá, na manhã desta segunda-feira (13). Conforme nota emitida pelo centro médico, a equipe treinada para emergências psiquiátricas tomou todas as providências necessárias e acionou a PM, que rapidamente controlou a situação. 

Leia mais:
Comandante-geral planeja auxílio psicológico em batalhão da PM e cita estresse da profissão

Segundo informações da Polícia Militar, o episódio aconteceu por volta das 8 horas. O militar não estava passando bem quando procurou a unidade. Durante o atendimento na recepção do PA, o homem teve um colapso de estresse e com a própria arma de fogo ameaçou tirar sua vida.

Equipes do Batalhão Rotam e da Diretoria de Saúde da PM estiveram no local e o policial recebeu atendimento médico e está em observação na unidade de saúde. A Diretoria de Saúde da PM informou que o policial foi afastado das funções e que a partir da data de hoje passará a ser acompanhado por uma equipe especializada de saúde da Policia Militar.

Conforme noticiado pelo Olhar Direto, em 2019, total de 189 policiais militares no Estado de Mato Grosso se afastaram da atividade para tratamento de saúde. Também houve dois casos de suicídio na Instituição. 

Em entrevista exclusiva, o comandante-geral da PM, coronel José Jonildo de Assis, disse que a PM trabalhou ao longo do ano com um ciclo de palestras em todos comandos regionais para tentar evitar que a doença silenciosa faça mais vítimas.

O coronel da PM também afirmou que há um projeto para implantação de assistência psicológica na sede do 3º Batalhão, na região do CPA. Conforme dados da assessoria de imprensa da PM, atualmente quatro psicólogos e dois assistentes sociais estão atuando no atendimento dos militares.

Veja nota na íntegra da Unimed:

NOTA DE ESCLARECIMENTO
 
Em relação ao fato ocorrido na manhã de hoje, (13.01) nas dependências do Pronto Atendimento da Unimed Cuiabá, esclarecemos que a ocorrência envolveu um paciente em surto psiquiátrico que tentou o suicídio com arma de fogo. A equipe treinada para emergências psiquiátricas tomou todas as providências necessárias e acionou a Polícia Militar que, rapidamente, controlou a situação. O paciente se encontra medicado, estável e encaminhado para tratamento especializado.



Atualizada às 10h29 e às 11h02.

16 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Paolo
    14 Jan 2020 às 12:51

    Palestras que a Dra. Samira Marcon deu a PMs foram muito boas sobre esse assunto.

  • Vettel
    14 Jan 2020 às 02:00

    Tem uns tratamentos para depressão com remédios com gosto de paz.... uma delícia...já tem 2 meses que eu estou bem!

  • Guilherme Fonseca
    13 Jan 2020 às 23:33

    O Policial tanto Militar bem como o policial judiciário,devem por obrigação das respectivas entidades de origem terem acompanhamento psicológico pelo menos a cada seis meses. Só quem tem conhecimento do stresse,adrenalina e pressão que vivem no dia á dia sabem o quanto é necessário,atendimento medico especializado.Espero que ás autoridades competentes de agora em diante deem atendimento especializado á todos os policiais. MT era para ter um Hospital militar exclusivo da corporação para servir os militares e seus familiares. São Paulo tem e está localizado próximo ao Barro Branco Cantareira zona norte.

  • joão ninguém
    13 Jan 2020 às 21:46

    Jesus no getsemani chorou lagrimas de sangue, só que desceu um anjo do céu e o consolava o profeta elias entro na caverna e só queria dormir, mais um dos sintomas, sono tem pessoas que tem tristeza profunda que parece que nunca vai acabar pensamento de alto se destruir e por ai vai. Eu me achava acima dela, mas me jogou no chão, fiquei desesperado, só fiz coisas que me arrependo até hoje. Claro que uma pessoa cristã, no pé do Senhor encontra forças, caminhos, pessoas que o ajude...Um cirineu para ajudar carregar a cruz nessas horas é bem-vindo.

  • Realista
    13 Jan 2020 às 16:54

    Espero que o comando geral tome providência no sentido de agilizar unidades de tratamento psicológico na corporação. A policia militar é um dos serviços do estado que mais recebe pressão da sociedade - atualmente mergulhada em enorme violência- inclusive para matar e torturar, e isso, pode acarretar estresse profundo nos seus membros, que são filhos, irmãos, e pais de família...e isso pode terminar em fatos como o relatado em tela. Depressão é coisa séria. A pessoa pode matar ou morrer. Só quem conhece essa terrível doença sabe o quanto esta é cruel. Por favor não me venham que é falta de Deus e afins. A religião e a espiritualidade podem ser excelentes complementos no tratamento, mas, tratar com os médicos e psicólogos, é o primeiro caminho na luta contra esse mal.

  • Emily
    13 Jan 2020 às 16:47

    Tenho pena desses seres desumanos que acham que sabem tudo, que entendem tudo e só falam merda. Depressão é doença, Deus não têm nada a ver com isso. Então quem têm Deus pode ter ter câncer mas não pode ter depressão? Quem têm Deus pode ser estuprada e esquartejada mas não pode ter depressão? Deus não têm nada a ver com isso! Parem de bostejar na internet! Só quem passou e passa por isso sabe. Pra quem tem depressão faz sentido tirar a própria vida. Só ainda não fiz isso pq prometi pro meu marido que não tentaria novamente. Luto pra manter minha promessa. Se não têm nada que edifique ou seja útil pra falar, não fale. Já ajuda muito!

  • Alemão do CPA
    13 Jan 2020 às 15:48

    Pressão tem soldados no Oriente médio.

  • Marlon
    13 Jan 2020 às 15:13

    Mau começou o ano e vários querendo se matar!

  • Julio cesar
    13 Jan 2020 às 12:39

    Depressão é coisa muito seria só quem já passou por isso sabe o quanto é difícil o apoio da família e dos amigos nessa hora é muito importante

  • Joyce Melo
    13 Jan 2020 às 12:22

    Lamentável. Mais um ser humano, que precisa urgentemente de ajuda. Não se sabe o que se passa na mente de uma pessoas, para chegar nesse ponto. Todos precisamos de ajuda. Um bom dia, Um abraço, Um...posso te ajudar...faz toda diferença no nosso dia dia. Que possamos ser mais presente na vida de nossos amigos, familiares e companheiro de trabalho.

Sitevip Internet