Olhar Direto

Sábado, 19 de junho de 2021

Notícias | Política BR

Oposição firmada

Executiva Nacional proíbe PT de coligar com DEM e com PSDB em eleições municipais

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Executiva Nacional proíbe PT de coligar com DEM e com PSDB em eleições municipais
Em reunião da Comissão Executiva Nacional, realizada no Rio de Janeiro, nesta sexta-feira (7), o PT proibiu os diretórios estaduais e municipais de fazerem aliança com partidos que eles definiram como ‘apoiadores da política ultraneoliberal do Governo Bolsonaro’, como o DEM e o PSDB, nas eleições de outubro.  

Leia também
Jair Bolsonaro vem a Mato Grosso na próxima semana para entrega da BR-163


A resolução divulgada pelo partido, em seu site oficial, diz que a Executiva definiu que o PT só poderá construir alianças nas eleições municipais com o PCdoB, que é um aliado histórico, PSOL, PDT, PSB, REDE, PCO e UP.

O documento também deixa claro que os presidentes de diretórios estaduais, assim como municipais, podem até receber apoio de outros partidos, no caso de o PT ter candidato a prefeito, contando que a sigla não seja de extrema-direita, como o PSL e o Aliança pelo Brasil, que ainda está em criação. 

A reunião ainda definiu que o PT até pode apoiar candidatos de outros partidos na eleição municipal, com a condição de que ele tenha o ‘compromisso expresso com a oposição a Bolsonaro’ e não ‘pratique hostilidades aos ex-presidentes Luís Inácio Lula da Silva.

Em Mato Grosso, os principais líderes do partido, como o presidente estadual Valdir Barranco, o deputado estadual Ludio Cabral e a deputada federal Rosa Neide já vinham defendendo que o PT faça uma aliança com partidos de esquerda para definir o candidato em Cuiabá, assim como nos demais municípios.

O ato da Direção Nacional deve barrar uma possível aliança em Mato Grosso do PT, com o PDT, que apesar de ser um partido de esquerda, está enraizado no Governo do Democrata Mauro Mendes.

O PSOL, partido que nas últimas sete eleições lançou apenas chapas puras, sem formar nenhuma aliança, também não deve compor com o PT, limitando o partido a construir um projeto apenas com o PSB, REDE, PCO e UP.

A reunião da Comissão Executiva Nacional foi seguida pela abertura do Festival PT 40 Anos, que prosseguiu neste sábado (8) com exposições culturais, debates sobre o papel da esquerda na democracia, com representantes do PT, PSB, PDT, PCdoB e Psol e dos ex-presidentes Lula, e Pepe Mujica, do Uruguai.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet