Olhar Direto

Segunda-feira, 21 de junho de 2021

Notícias | Política MT

DESCARTOU NEUTRALIDADE

Bolsonaro confirma participação em eleição ao Senado e diz que irá apoiar candidata mulher

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Bolsonaro confirma participação em eleição ao Senado e diz que irá apoiar candidata mulher
Contrariando as expectativas dos principais pré-candidatos ao Senado em Mato Grosso, o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou no final da tarde desta sexta-feira (06) que não irá permanecer neutro no pleito suplementar de abril. Além disso, o presidente anunciou, sem citar nomes, que irá apoiar uma candidata mulher.

Leia mais:
- Buzetti diz que foto com Mendes foi brincadeira e revela concorrência interna com Geller
- Instituto carioca indica boa condição de Júlio e democratas voltam a Brasília em busca de apoio de Bolsonaro


“Pretendo não participar, no primeiro turno, de qualquer candidatura entre os quase 6 mil municípios do Brasil. No tocante a vereador, tenho um amigo ou outro por aí, vou dar uma força. [Mas] Pretendo participar das eleições para o  Senado em Mato Grosso. Eu não posso falar o nome porque seria propaganda antecipada. Mas, como é o dia da mulher, será uma mulher”, declarou o presidente, em conversa com jornalistas na saída do Palácio do Alvorada.

O cenário da eleição suplementar segue indefinido pelo menos até a próxima semana, quando os partidos irão realizar as convenções e oficializar seus respectivos candidatos à vaga que será deixada pela senadora cassada Selma Arruda (PODE).

Dos pretensos pré-candidatos, aparecem somente duas mulheres: Gisela Simona (PROS), que faz parte do bloco esquerdista no Estado e, portanto, tem mínimas chances de ser a escolhida de Bolsonaro, e Margareth Buzzetti (Progressistas), que teve seu nome enfraquecido nos últimos dias em razão de outros filiados ao seu partido, a exemplo do deputado federal e líder da banca de Mato Grosso no Congresso, Neri Geller, terem demonstrado interesse na vaga.

Buzzetti, no entanto, vale lembrar, chegou a ser “lançada” pelo ex-ministro Blairo Maggi como “candidatíssima” ao Senado, em foto publicada no final do ano ao lado de lideranças como o governador Mauro Mendes (DEM). Na ocasião, porém, a própria empresária classificou a publicação como uma “brincadeira”.

Outro fator que dá força ao nome de Buzzetti, neste momento, é sua recente ida a Brasília. Conforme publicado pela coluna Picantes, de Olhar Direto, a empresária do setor de recapagem de pneus publicou imagem em suas redes sociais esta semana, na qual aparece em uma janela olhando a Esplanada dos Ministérios. Na legenda, ela escreveu “Dia muito produtivo em Brasília”. A mesma foto foi compartilhada em um grupo de WhatsApp, seguida da frase: “Aqui é meu lugar”.

A convenção do Progressistas, que irá definir candidatura própria ou eventual apoio a outro partido na eleição suplementar, está marcada para a tarde da próxima quarta-feira (12).
 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet