Olhar Direto

Quarta-feira, 15 de julho de 2020

Notícias / Cidades

Sétima vítima da Covid-19 em Várzea Grande se recusou a aguardar resultado de exame

Da Redação - Fabiana Mendes

26 Mai 2020 - 13:30

Foto: China Daily/Reuters

Sétima vítima da Covid-19 em Várzea Grande se recusou a aguardar resultado de exame
Morador do bairro Mapim, Cícero Pereira de Lima, 54 anos, morreu na noite de segunda-feira (25), em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá) após contrair o coronavírus. Ele é a sétima vítima da doença no município. Mato Grosso possui 43 mortes causadas pela Covid-19.

Leia mais:
Mato Grosso registra 130 novos casos confirmados de Covid-19 em 24 horas

​​​De acordo com a Secretaria Municipal, o paciente é doente renal crônico e realizava diálise no Instituto Nefrológico de Mato Grosso (Inemat), tendo seu primeiro atendimento no Hospital Pronto Socorro Municipal de Várzea Grande no dia 21 de maio. Na ocasião, se recusou aguardar o resultado dos exames.

​​​O segundo atendimento foi realizado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Ipase, no dia 23 de maio, quando ele foi trazido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), descompensado. Após ser estabilizado, foi encaminhado ao Hospital Estadual Santa Casa de Misericórdia.

Na unidade, ele fez teste rápido que apontou positivo para Covid-19. O SWAB foi coletado na UPA dia 23 e a Secretaria aguarda o resultado final que leva em média de sete a 10 dias.

Cícero Pereira deixa esposa e filho, que estão sendo monitorados pela Vigilância Epidemiológica de Várzea Grande.

​​​O Comitê de Combate ao Coronavírus e a Secretaria de Saúde reforçam para a população a necessidade das medidas de segurança como isolamento social, uso de máscaras continuamente e de luvas quando necessárias, meios de higienização e distância de 1,5 metros de distância para aqueles que necessitam sair para trabalhar.

10 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Olhar Direto. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Olhar Direto poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • rosany soares frança
    28 Mai 2020 às 08:27

    verdade caro colega roberto magno, desde quando varzea grande abriu todo o comercio eu vi a aglomoreção, agora a prefeita lucimar mandou abri as academias dai, poderia colocar uma barreira para o povo dai de VG nao virem para cá contaminar os cuiabanos e os cuiabanos não irem para ai, o povo ainda não acordou até o momento que algum parente ai irão acordar para realidade da doença, por enquanto acham que é guerra de politicagem contra o bostonauro

  • Roberto magno
    27 Mai 2020 às 09:43

    Poxa Aki em vg. A prefeita precisa reforçar a lei do silêncio. Várias famílias estão fazendo festas com agromeraçao de pessoas . E fora o inciso de som alto após as 22:00 e sem contar que a população está sofrendo horrores com isso e não tem um órgão específico para ligar . Sente o 190 que já tem coisas muito mais sérias para resolver . E o pior e que qdo eles vão no local param o som e assim que saem ligam novamente mais alto ainda . Isto estou falando em altas madrugadas

  • Claudete
    27 Mai 2020 às 02:53

    Olha gostaria de fazer esse comentário é despenso as críticas que não moro ai e tal!! Só uma coisa vou falar essas pessoas dai ainda não entenderam que o isolamento social e a melhor saída dessa pandemia olha eu vivo na italia e vivi de perto essa doença é muito orivel te leva em bora em dias hs fiquem em casa se protejam se não fizer por vc faça pelo seu filho sua família

  • Ivanilson
    26 Mai 2020 às 21:40

    A vários casos de laudos falsos, será por ser portador de deficiência crônica estão dando laudos falsos......a algum tempo atrás tudo erá virose! Hoje tudo é covid, trazido não é a palavra certa .....O certo foi levado.

  • Efa Forte
    26 Mai 2020 às 19:05

    Mato Grosso inteiro sabe que Várzea Grande será o foco principal da doença no estado. E o pior é que a secretaria de saúde está escondendo os números reais. Mas a bomba já está estourando.

  • Gabriela
    26 Mai 2020 às 18:49

    Ignorância mata.

  • Lucas
    26 Mai 2020 às 17:29

    porque não fazem atopsia no corpo .assim vai descobri

  • Marcos
    26 Mai 2020 às 16:16

    Famosa lenga lenga da desgraça...Acredita quem quer nessa conversa fiada...

  • Jorge Oyama
    26 Mai 2020 às 16:04

    "Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas". Saint Exupery.

  • Anderson
    26 Mai 2020 às 14:32

    Não sei pq a mídia não divulga a verdade, ontem na upa de varzea Grande morreu 4 com mesmo sintoma que esse senhor...

Sitevip Internet