Olhar Direto

Domingo, 20 de setembro de 2020

Notícias / Cidades

Estimativa aponta que número real de infectados pelo coronavírus em Cuiabá ultrapassa 16 mil

Da Redação - Wesley Santiago

30 Jun 2020 - 14:10

Foto: Reprodução/Ilustração

Imagem ilustrativa

Imagem ilustrativa

Estudo divulgado pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), que consta no Informe Epidemiológico sobre a Covid-19 divulgado na última semana aponta que Cuiabá já teria mais de 16 mil pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Oficialmente, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES), eram 3.740 até a última segunda-feira (29). O restante seria fruto da subnotificação. 

Leia mais:
Secretário confirma colapso em hospitais, equipamentos, medicamentos e profissionais
 
Pesquisa realizada recentemente estimou que no Brasil para cada caso confirmado de coronavírus, registrado oficialmente, existem seis casos desconhecidos na população e, em Cuiabá seriam 5,7 casos não notificados para cada um que testou positivo.
 
Como Cuiabá contava até o fim da tarde da segunda com 3.740 casos confirmados de coronavírus, aplicando-se a subnotificação apontada no estudo, a capital mato-grossense poderia chegar ao número real de 21.318 pessoas que contraíram a doença.

Isto representa pouco mais de 2% de toda a população de Cuiabá, que tem aproximadamente 700 mil moradores, conforme dados da prefeitura.
 
“Esses valores estão relacionados, principalmente, à própria característica da doença, na qual cerca de 80% da população apresenta sintomas leves ou são assintomáticos e não procuram os serviços de saúde. Entretanto, destacamos que, mesmo esses casos se mantêm transmitindo e, portanto, disseminando o vírus no ambiente”, diz trecho do Informe Epidemiológico, publicado semanalmente pela Secretaria de Saúde de Cuiabá, com apoio de pesquisadores da Universidade Federal de Mato Grosso.
 
A taxa de incidência da doença em Cuiabá cresceu substancialmente (391,1 casos/100.000 habitantes) quando comparada com a da semana passada (269,8) e mantendo-se mais elevada que a taxa em Mato Grosso (265,6/100.000 habitantes), porém com menor crescimento proporcional quando comparada com a do estado, haja vista que em Cuiabá a taxa de incidência cresceu 45,0% e no estado de 61,8% na última semana.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet