Olhar Direto

Domingo, 20 de setembro de 2020

Notícias / Cidades

Mais uma cidade de MT proíbe venda de bebidas alcoólicas; quem for pego bebendo será penalizado

Da Redação - Wesley Santiago

30 Jun 2020 - 10:05

Foto: Reprodução/Ilustração

Mais uma cidade de MT proíbe venda de bebidas alcoólicas; quem for pego bebendo será penalizado
Após registrar a sua décima morte em decorrência do novo coronavírus, a prefeitura de Nova Mutum (242 quilômetros de Cuiabá) decidiu adotar novas medidas para combater o avanço do coronavírus no município. Um deles é a proibição da venda de bebidas alcoólicas, com a intenção de impossibilitar que as pessoas façam festas e reuniões familiares, o que facilita a propagação da doença.

Leia mais:
Cuiabá prorroga toque de recolher por 48 horas e novo decreto definirá restrição de circulação

O documento proibirá a comercialização de bebidas alcoólicas em todo território municipal a partir da próxima sexta-feira (03). De acordo com o decreto, todo estabelecimento comercial deverá suspender a venda e recolhê-los até quinta-feira (02).

O descumprimento das regras acarretará em multa e suspensão de licença de funcionamento em caso de reincidência.

Penalidades também serão aplicadas para quem for pego consumindo bebidas alcoólicas em áreas públicas.

Na noite de segunda-feira (29), a prefeitura confirmou a décima morte por coronavírus na cidade. Dez pessoas permanecem internadas em leitos de enfermaria e outras 7 estão em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs).

Estas novas ações, definidas pelo Comitê Municipal de Enfrentamento ao Coronavírus atendem a notificação feita pelo Ministério Público Estadual à todas as prefeituras que compõe o Consorcio Intermunicipal Vale do Teles Pires.

A Procuradora Geral da Prefeitura de Nova Mutum, Luciana Trevisan argumenta que as maiores aglomerações que vem ocorrendo no município acontecem em função de confraternizações de amigos e famílias no período da noite e finais de semana geralmente com a presença de bebidas alcoólicas.

"Com base nestas informações ficou determinado a proibição da comercialização de bebidas alcoólicas, já que devido a essas confraternizações as pessoas não estão respeitando as regras de distanciamento social", explica.

Conforme a Procuradora o momento requer maior rigidez das autoridades já que o sistema de saúde em Mato Grosso entrou em colapso. "Nós estamos em um momento delicado, a saúde do estado entrou em colapso, tentamos de várias maneiras orientar a população, flexibilizamos as regras contando com uma resposta positiva por parte da sociedade. Infelizmente o que estamos vendo são pessoas ignorando as regras, como se nada estivesse acontecendo, agora precisamos endurecer medidas com ações mais rígidas para que possamos reduzir os casos de covid-19 que não param de crescer", ressalta.

Confira abaixo as novas medidas adotadas pela prefeitura de Nova Mutum:
  • Fechamento de bares, conveniências, lanchonetes e igrejas.
  • As academias deverão funcionar apenas na função personal, respeitando as disposições contidas no decreto.
  • Proibida a comercialização de bebidas alcoólicas no período de 03 a 13 de julho.
  • Distribuidoras de bebidas poderão funcionar somente na função delivery, sendo proibida a retirada de bebidas no local, respeitando a proibiçã de venda de bebidas alccólicas a partir do dia 03.
  • Funcionamento geral do comércio até as 20h30.
  • Manutenção do toque de recolher das 21h as 05h.
  • Mantida a proibição da utilização de praças e parques públicos em qualquer período do dia e noite.
  • Algumas atividades terão exceções como é o caso de restaurantes.
  • Proibida a realização de reuniões públicas e privadas.
  • Nos supermercados será permitida apenas uma por pessoa por família, sendo totalmente proibida entrada de crianças nestes estabelecimentos

Comentários no Facebook

Sitevip Internet