Olhar Direto

Sexta-feira, 04 de dezembro de 2020

Notícias / Política MT

Emanuelzinho minimiza saída de petebistas em VG e cita reposição com "nomes de peso"

Da Redação - Wesley Santiago

21 Set 2020 - 14:00

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Emanuelzinho minimiza saída de petebistas em VG e cita reposição com
O deputado federal e candidato à Prefeitura de Várzea Grande, Emanuel Pinheiro Neto (PTB), o popular Emanuelzinho, minimizou a debandada de petebistas na Cidade Industrial, que anunciaram apoio à candidatura de Kalil Baracat (MDB) e José Hazama (DEM). O parlamentar destacou que, enquanto alguns nomes saem, outros de bastante base no município chegam para auxiliá-lo na caminhada rumo ao que chama de "novo tempo".

Leia mais:
Contra candidatura de Emanuelzinho, secretário de Lucimar puxa debandada de petebistas em VG

Segundo o deputado, membros do PTB que se desfiliam do partido o fazem com o todo o direito. "Não tem problema algum. Valorizamos aqueles que têm compromisso com o partido e os valores do PTB independente de circunstâncias eleitorais. Continuamos respeitando o serviço prestado por eles enquanto membros da agremiação".

"No entanto, enquanto uns saem, outros vêm e o partido se engrandece ainda mais com a adesão de grande lideranças em Varzea Grande como Julio Pacheco e Alan da Top Gás, homens com história de serviço ao município, que valorizam Varzea Grande e buscam um novo tempo para a cidade”, completou.

O pedido de desfiliação do partido já foi protocolizado e pelo menos 50 nomes deixaram a bancada da sigla, por estarem descontentes com o nome de Emanuelzinho ter sido escolhido de maneira quase singular dentro da cúpula. 

Na verdade, o que se comenta nos bastidores é a debandada teria sido reflexo de discurso do senador Jayme Campos (DEM), durante a convenção do partido, em que disse que "quem roesse a corda seria tratado como traidor" e que não teria como "alguém do grupo da atual prefeita Lucimar Campos acender vela para Deus e para o diabo ao mesmo tempo". 

O recado teria sido direcionado ao secretário Silvio Fidelis, que é do PTB e faz parte do secretariado de Lucimar. Ao entender o recado, Fidelis atendeu o pedido do senador e pediu que seu grupo se desligasse do partido e caminhasse com Kalil e Hazama na eleição desse ano. 

Com isso, liderados pelo secretário da Executiva Municipal do PTB de Várzea Grande, Silvio Fidélis, 50 lideranças políticas promoveram uma debandada geral e se desfiliaram da sigla após a confirmação de candidatura própria na segunda maior cidade de Mato Grosso. 

Por telefone, o candidato Kalil Baracat disse ao Olhar Direto que Fidelis, inclusive, será um dos coordenadores de sua campanha nesse processo eleitoral. "Ele está conosco. Está no grupo de Jayme e Lucimar, por isso resolveu sair e nos apoiar", comentou. 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet