Olhar Direto

Terça-feira, 01 de dezembro de 2020

Notícias / Cidades

Quatro condutores são presos em blitz da Lei Seca em frente ao Brasil Beach; fotos

Da Redação - Wesley Santiago

13 Out 2020 - 08:41

Quatro condutores são presos em blitz da Lei Seca em frente ao Brasil Beach;  fotos
Quatro condutores foram presos, entre o fim da tarde e o começo da noite da última segunda-feira (12), em uma blitz da ‘Operação Lei Seca’, realizada na Estrada da Guia (MT-010), em frente ao Condomínio Brasil Beach, em Cuiabá. Além disto, também foram removidos oito veículos.

Leia mais:
Blitzes da Lei Seca voltarão com frequência ainda maior após número de pessoas dirigindo embriagadas aumentar
 
A operação teve início por volta das 17 horas da última segunda-feira. Das quatro prisões realizadas, três foram por embriaguez ao volante e uma por manobra/direção perigosa, segundo as informações da Secretaria de Segurança Pública (Sesp).
 
Além disto, outras cinco pessoas foram multadas por conduzir veículo sob efeito de álcool. No total, foram realizados 86 testes de alcoolemia. As autoridades também apreenderam oito carros que estavam trafegando de forma irregular.
 
A operação contou com a participação da  Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran), do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPMTRAN), do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT), da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob), da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), do Sistema Penitenciário de Mato Grosso (Sispen-MT), do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (CIOSP) e do Gabinete de Gestão Integrada (GGI).
 
Os trabalhos foram encerrados por volta das 19h30.
 
O titular da Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran), Christian Cabral, adiantou que as blitzes da Lei Seca voltarão com uma frequência ainda maior do que antes da pandemia. Isso porque, durante este período e, principalmente após a flexibilização, aumentou o número de condutores dirigindo embriagados pelas ruas de Cuiabá e Várzea Grande.
 
“O número de pessoas conduzindo embriagadas é extremamente elevado. Registramos aumento muito alto nesse período. Voltaremos com uma frequência até maior do que antes da pandemia, para poder dar um recado para a população. Estaremos operando com intensidade maior para reestabelecer o direito de circular do cidadão”, disse o delegado em entrevista ao Olhar Direto.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet