Olhar Direto

Sexta-feira, 04 de dezembro de 2020

Notícias / Ciência & Saúde

Após aumento, número de mortes por Covid-19 volta a cair em Cuiabá

Da Redação - Fabiana Mendes

29 Out 2020 - 08:05

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Após aumento, número de mortes por Covid-19 volta a cair em Cuiabá
Depois do aumento no número de mortes por Covid-19, Cuiabá volta a registrar queda, segundo dados do Informe Epidemiológico divulgado nesta terça-feira (27). Também continua caindo o número de pessoas infectadas pela doença. O documento é elaborado pela Secretaria de Saúde de Cuiabá, com apoio de pesquisadores da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Leia mais:
Cuiabá apresenta crescimento de 13,2% de mortes por Covid-19

Nesta semana foram 455 casos notificados, verificando-se redução de 30,6% quando comparado com a semana anterior, na qual haviam sido notificados 656 casos novos. A redução de novos casos notificados tem sido verificada sistematicamente desde a semana entre 21 a 27 de junho, na qual foi observado o maior número de casos notificados semanalmente (2.084) desde o início da pandemia. Entretanto, ainda se observam frequentes oscilações.

Desde o primeiro óbito por Covid-19 em residentes em Cuiabá, registrado em15 de abril, até 24 de outubro, foram contabilizadas 1.439 mortes, sendo 1.017 moradores. Sendo assim, a taxa de letalidade é de 3,6%. Ela permanece mais elevada que a de Mato Grosso (2,7%) e que a do Brasil (2,9%).

Do total de óbitos em residentes, 18 ocorreram nesta última semana, com a média de 2,6 óbitos/dia, sendo este o menor número de mortes desde a semana entre 31 de maio a 06 de junho.

Apesar da oscilação, o número de óbitos tem diminuído desde a semana entre 09 a 15 de agosto. Nas últimas quatro semanas (27 de setembro a 24 de outubro) a média foi de 25,8 óbitos/semana enquanto que nas quatro semanas anteriores (30 de agosto a 26 de setembro) a média foi de 35,3 óbitos/semana.

Internações

De 14 de março a 24 de outubro, estiveram internados 2.971 pacientes residentes em Cuiabá e desses, 73,5% haviam se recuperado e recebido alta até 17 de outubro. Das internações ocorridas no período, 63,8% foram em hospitais privados e 35,8%, em públicos. Um total de 44,3% (1.317) das internações ocorreram em leitos pactuados pelo SUS para o atendimento a pacientes com a doença.

Das 2.177 internações com a informação de raça/cor da pele (73,3% das internações), 72,7% declararam cor da pele preta/parda, 26,2% branca, 1,0% amarela e apenas um paciente indígena.
 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet