Olhar Direto

Segunda-feira, 01 de março de 2021

Notícias / Política MT

Centros Educacionais de Jovens e Adultos do estado serão fechadas e alunos redistribuídos em escolas de bairros

Da Redação - Isabela Mercuri

16 Nov 2020 - 15:45

Foto: Reprodução

Centros Educacionais de Jovens e Adultos do estado serão fechadas e alunos redistribuídos em escolas de bairros
Os vinte e um Centros Educacionais de Jovens e Adultos (Cejas) da rede estadual de ensino de Mato Grosso serão fechados, e todos os alunos redistribuídos para escolas localizadas em bairros próximos às casas dos estudantes. A decisão faz parte do projeto de readequação da Secretaria de Estado de Educação (Seduc).

Leia também:
Novo decreto mantém aulas suspensas na rede pública municipal e em escolas privadas de Cuiabá

Segundo a assessoria, com a mudança, as provas online para certificação do ensino médio, que hoje são disponibilizadas para apenas 20 municípios, serão ampliadas para 32 cidades. A proposta, no entanto, ainda deve ser apreciada pelo Conselho Estadual de Educação (CEE).

Atualmente há 21 unidades do Ceja em Mato Grosso. Estas unidades serão fechadas, e os alunos irão participar das aulas, em período noturno, em escolas da rede de ensino que já estão em funcionamento apenas no período matutino e vespertino.

“Ao invés dos alunos terem atendimento em um único local, geralmente em região central da cidade, eles vão receber atendimento nos bairros. A assessoria pedagógica vai organizar para que eles fiquem mais próximos da casa deles. Alguns municípios vão sair de apenas uma unidade escolar, para até três escolas ofertando aulas para o público jovem e adulto”, explica o secretário de Estado de Educação, Alan Porto.

O objetivo, segundo a assessoria, é descentralizar e melhorar a oferta dos serviços, e otimizar a utilização de estruturas escolares já existentes em Mato Grosso para atender os alunos ativos que fazem parte do programa.

“Entendemos também a importância de fazer uma busca ativa de pessoas que fazem parte do público alvo do Ensino de Jovens e Adultos para que todos tenham acesso à oportunidade de concluir os seus estudos”, afirma o secretário.

O ensino para Jovens e Adultos deve ser estendido para atender aos 141 municípios de Mato Grosso, utilizando as escolas estaduais existentes.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet