Olhar Direto

Quarta-feira, 27 de janeiro de 2021

Notícias / Cidades

Em novo decreto, prefeito permite vacinação compulsória e mantém aulas suspensas

Da Redação - Isabela Mercuri

13 Jan 2021 - 10:13

Foto: Reprodução

Em novo decreto, prefeito permite vacinação compulsória e mantém aulas suspensas
Um novo decreto publicado pelo prefeito ‘Juninho’ (PT), do município de Castanheira (777km de Cuiabá) permite que o município obrigue sua população a tomar a vacina contra o novo coronavírus (Covid-19), assim que ela estiver disponível.

Leia também:
DJ de Cuiabá é vacinada contra a Covid-19 em Londres após conseguir cidadania e emprego em hospital

O documento também mantém as aulas presenciais suspensas por tempo indeterminado e dispensa a necessidade de licitação para aquisição de bens, serviços e insumos de saúde destinados ao enfrentamento da pandemia.

Juninho foi o único concorrente ao cargo na cidade de Castanheira, e teve 100% dos votos válidos, ou seja, 2.317. De acordo com o último censo, a população do município é de 8.749 habitantes.

Segundo o novo decreto, poderá ser determinada também a realização compulsória de exames, testes laboratoriais, coletas de amostras clínicas e tratamentos, além da vacinação. O prefeito cancelou todas as inaugurações de obras públicas, viagens de servidores públicos.

Os eventos em ambientes fechados devem limitar-se a 50% da capacidade máxima do local, os eventos esportivos coletivos estão proibidos, mas o comércio pode funcionar, assim como restaurantes. Missas e cultos devem funcionar com apenas 50% da capacidade e com celebrações de no máximo uma hora de duração.

Veja o decreto completo AQUI

Comentários no Facebook

Sitevip Internet