Olhar Direto

Segunda-feira, 19 de abril de 2021

Notícias / Cidades

TIRO NA CABEÇA

Empresário de Cuiabá é suspeito de assassinar homem em situação de rua perto da rodoviária

Da Redação - Max Aguiar

16 Jan 2021 - 10:56

Foto: Rogério Florentino Pereira/ Olhar Direto

Empresário de Cuiabá é suspeito de assassinar homem em situação de rua perto da rodoviária
Um homem em situação de rua foi executado com um tiro na cabeça, na noite de sexta-feira (15), no bairro Consil, em Cuiabá. A vítima chegou a ser socorrida com vida e encaminhada pelo Samu ao Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), mas acabou morrendo algumas horas depois. 

Leia mais:
Homem que estuprou mulher na frente do namorado em noite de réveillon é preso em MT

O motivo do assassinato ainda é desconhecido, mas testemunhas desconfiam que houve uma discussão entre um empresário de Cuiabá e a vítima. Pouco tempo após o início do bate boca, o homem, identificado como R.S.F., 42 anos, teria sacado a arma e atirado. A vítima foi identificada como Cilce Pereira da Silva, 63 anos. 

Em seguida, o empresário teria fugido do local e não foi mais localizado. O crime ocorreu nos fundos do posto de gasolina que fica em frente à Rodoviária Cássio Veiga de Sá, na capital. Conforme a descrição do boletim de ocorrências, o corpo estava em um terreno baldio, próximo ao Hotel Skala. 

Após a chegada da Polícia Militar, o Samu também chegou e levou o homem com o ferimento na cabeça para o Hospital. No local, algumas testemunhas contaram quem seria o suspeito, descrevendo R.S.F. como possível autor do crime. Ele é conhecido em Cuiabá por ter uma empresa de cerveja artesanal. 

Conforme informações da polícia, às 04h da madrugada o homem baleado acabou morrendo. Dai por diante a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) assumiu o caso. 

O delegado Marcel Gomes, que estava de plantão, fez a liberação do corpo e assume a investigação do caso daqui pra frente. O chefe de polícia não passou detalhes da investigação, mas informou que irá colher todos as informações de testemunhas e buscar imagens de câmeras para tentar elucidar o caso. 

Comentários no Facebook

Sitevip Internet