Olhar Direto

Quarta-feira, 19 de janeiro de 2022

Notícias | Política BR

Presidência da câmara

Otimista por vitória, Neri nega que haja barganha por ministérios em troca de apoio a Lira

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Otimista por vitória, Neri nega que haja barganha por ministérios em troca de apoio a Lira
O deputado federal Neri Geller (PP) nega que partidos do Centrão estejam cobrando o comando de ministérios em troca de apoio a Arthur Lira (PP-AL), candidato à Presidência da Câmara dos Deputados, declaradamente apoiado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Leia também:
Janaina defende pagamento de RGA do TJ e diz que defasagem salarial de servidores ultrapassa 20%

A negociação para que os partidos ocupem os ministérios da Saúde e da Cidadania e a recriação do Ministério do Desenvolvimento e Indústria é assunto da imprensa nacional. O Palácio do Planalto estaria disposto a atender tais pedidos para garantir a vitória de Lira e o senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG), que disputa a Presidência do Senado.

Neri, no entanto, afirma que o foco agora é a eleição de Lira. Nega qualquer negociação por espaço no governo, mas que é natural, após as eleições no Congresso, os partidos serem contemplados.

“Isso não está na pauta. (Câmara) não é puxadinho do Bolsonaro. Não tem essa discussão agora sobre ministérios. Mas, a composição política está sendo feita com o apoio do Planalto e de alguns parlamentares da esquerda também, por conta postura do Arthur, que representa estabilidade e avanço de projetos de interesse do país. A questão de espaço político são questões de composição política. Pode acontecer, mas é do processo democrático”, disse ao Olhar Direto.

Um dos articuladores da candidatura de Lira, Neri demonstra confiança na vitória do correligionário. Nesses últimos dias antes da eleição, marcada para esta segunda-feira (1º), o parlamentar participou de uma série de reuniões, como com a Frente Parlamentar da Medicina e as bancadas Evangélica e feminina. O mato-grossense também reforça apoio de grande parte da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA).

“Garantido não está, pois resultado de eleição a gente só sabe quando se abre as urnas, mas o pessoal está trabalhando muito bem. Estou aqui em Brasília e tive com os ministros Luiz Ramos (Secretaria de Governo) e Onyx Lorenzoni (Cidadania) pela manhã”, completou.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet