Olhar Direto

Quarta-feira, 23 de junho de 2021

Notícias | Esportes

Vacinação não obrigatória

Em Cuiabá, seleções só deixarão hotel para treino e jogos; testes de Covid-19 serão feitos a cada 48h

Foto: Reprodução/Ilustração

imagem ilustrativa

imagem ilustrativa

Detalhes de como será a operação da Copa América foram divulgados na última segunda-feira (07) pelo Ministério da Saúde e também o Governo do Estado de Mato Grosso. Para garantir a realização do evento em meio a pandemia da Covid-19, foi explicado que as seleções só poderão deixar o hotel em que estiverem para treinos, jogos ou questões de saúde. Além disto, foi prometida a testagem em massa de jogadores, comissões e pessoas envolvidas no evento de alguma forma a cada 48 horas. A vacinação não será obrigatória por falta de tempo.

Leia mais:
Jogos do Cuiabá serão alterados por conta da Copa América na Arena Pantanal

Entre os pontos que precisarão ser respeitados, estão a realização de testagem das delegações a cada 48h, além do isolamento de atletas e comissões técnicas nos hotéis das cidades, sendo liberada a saída apenas para treinos, jogos ou questão de saúde. Vale lembrar que Cuiabá receberá cinco partidas do torneio, entre 13 e 28 de junho.

Segundo o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, as delegações não precisarão ser vacinadas. A informação, entretanto, é contrária ao que disse o ministro-chefe da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, no dia 31 de maio, quando afirmou em pronunciamento que uma das condições para que a Copa América fosse realizada no país seria a presença de delegações imunizadas.

Conforme o governo de Mato Grosso, foi repassado pela Conmebol que todo staff que vai trabalhar durante os jogos será testado contra o coronavírus duas vezes, a cada 48 horas, garantindo a segurança à saúde. Qualquer pessoa que testar positivo, sendo vacinado ou não, não poderá permanecer no estádio e será afastado até o fim do evento.

“Uma coisa pouco divulgada é que a operação de Saúde e Segurança Pública da Copa de 2014 em Cuiabá foram case para a Fifa para o evento seguinte de tão bem organizado e como foi atendido. Mato Grosso tem esse título e foi feito um trabalho fenomenal e começaram também muito bem na série A”, destacou o gerente de sede da Conmebol, Marcus Jacarandá.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) será responsável pela segurança das delegações da Bolívia, Chile, Equador, Uruguai e Argentina. Já a arbitragem e as áreas externas da Arena Pantanal, ficará a cargo das polícias estaduais.

O primeiro confronto da Copa América na Arena Pantanal será no domingo (13) entre Colômbia e Equador, às 19h (de MT). A próxima disputa é entre Chile e Bolívia no dia 18 de junho, às 16h. Em seguida Uruguai e Chile jogam no dia 21 de junho, às 16h.

No dia 24 é a vez de Bolívia e Uruguai se enfrentarem às 16h. Por fim, Bolívia e Argentina disputam o último jogo da Copa América em Cuiabá no dia 28, às 19h.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet