Olhar Direto

Segunda-feira, 26 de julho de 2021

Notícias | Cidades

homicídio em Cuiabá

Homem que matou amigo com facada nas costas voltou à cena do crime para ameaçar testemunhas e foi detido por populares

Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Homem que matou amigo com facada nas costas voltou à cena do crime para ameaçar testemunhas e foi detido por populares
O homem acusado de matar um rapaz identificado apenas como Thiago, no bairro Nova Esperança II, em Cuiabá, no último sábado (19), retornou à cena do crime para ameaçar testemunhas do fato e acabou detido por populares até a chegada da Polícia Militar. Ele e a vítima eram amigos e companheiros de trabalho. O homicídio foi motivado por uma discussão.

Leia mais:
Homem é morto com facada nas costas após briga em mercearia de Cuiabá

As diligências iniciaram assim que policiais da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foram acionados do homicídio ocorrido em frente a uma mercearia. A vítima foi encontrada caída, com uma perfuração grande e profunda de objeto perfurocortante nas costas, com grande quantidade de sangue ao redor.

Testemunhas informaram que a vítima e suspeito, autor do fato, eram amigos, e companheiros de trabalho, e teriam ficado a tarde inteira ingerindo bebida alcoólica e conversando. No final da tarde, eles se desentenderam e o suspeito saiu, foi em sua residência, pegou uma faca e retornou, atingindo a vítima  pelas costas, sem chances de defesa.

Enquanto as guarnições faziam varreduras pelas redondezas do local, procurando capturá-lo, o suspeito retornou ao local do fato e ameaçou as testemunhas para que não o denunciassem, tendo investido contra algumas delas. Neste momento, o suspeito foi detido por populares que presenciaram a situação, entregando o criminoso à polícia em seguida.

O suspeito é do estado do Maranhão e possui passagens anteriores por furto, roubo e tráfico de drogas. 

Ele foi conduzido à DHPP, onde após ser interrogado pelo delegado Olímpio da Cunha Fernandes Junior, foi autuado em flagrante por homicídio qualificado, sendo representado pela conversão da prisão em flagrante em preventiva.

Comentários no Facebook

Sitevip Internet