Olhar Direto

Segunda-feira, 25 de outubro de 2021

Notícias | Política MT

INFRAESTRUTURA

Governador pede a Bolsonaro que BR-174 seja estadualizada e se compromete a pavimentar mais de 300 km

Foto: Reprodução

Governador pede a Bolsonaro que BR-174 seja estadualizada e se compromete a pavimentar mais de 300 km
A visita do governador Mauro Mendes (DEM) ao presidente da República Jair Bolsonaro (sem parte), nesta quarta-feira (27), no Palácio do Planalto, em Brasília, teve como agenda principal, conforme já adiantado, a melhoria da malha viária federal que corta o estado e também o pedido para que a União libere a rodovia BR-174 para que Mato Grosso execute os trabalhos de pavimentação. 

Leia mais:
Governador desmente fakenews sobre ponte do Rio das Mortes e garante conclusão da obra até março de 2022

Na saída da sala presidencial, o governador exaltou a importante pauta e disse que colocou na mesa todas as intenções que o estado tem para que várias trechos sejam asfaltados em Mato Grosso, inclusive o pedido para que a 174 seja estadualizada de Castanheira a Colniza. São mais de 300km que deixam a região isolada de Mato Grosso.

"A infraestrutura é muito importante pra Mato Grosso, pois somos o maior produtor brasileiro das commodities agrícolas. Temos hoje um grande programa de infraestrutura assumido pelo governo, que vai asfaltar em quatro anos de governo 2.400km e essas rodovias federais se interligam elas fecham essa malha. Nós queremos que o governo também evolua na parte federal e essa solução vai melhorar muito mais aquilo que já temos feito. O governo encaminhou via ministro Tarcísio Gomes de Freitas algumas possibilidades. Existe a possibilidade de transferir, com apoio da União, para que a BR-174 seja executada 100% com responsabilidade da Sinfra, e estamos caminhando nesse sentido e as demais rodovias estamos construindo alternativas", disse Mauro Mendes.

Acompanharam a reunião os três senadores de Mato Grosso, Jayme Campos (DEM), Wellington Fagundes (PL) e Carlos Fávaro (PSD), além do secretário chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho. Para Mauro, o governo federal precisa acompanhar a evolução de Mato Grosso no que tange a estradas. 

"Estamos em desenvolvimento do estado de Mato Grosso. Falamos das rodovias federais 154/154/080. O governo do estado quer essa parceria para melhorar todo nosso trabalho, pois pretendemos fazer a logística ter mais agilidade em todo nosso território. Para isso, temos que interligar com asfalto trechos que chegam de municípios a estradas federais", concluiu o governador. 

No período da tarde, Mendes conseguiu um encaixe na agenda do ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, e vai tratar sobre construção de casas populares. Além disso, deve fazer destravar alguns assuntos como VLT, que é o principal modal que deverá cortar as duas maiores cidades do estado. 
 
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet