Olhar Direto

Terça-feira, 26 de outubro de 2021

Notícias | Política MT

ESTADO RICO?

Botelho diz que ‘fila dos ossinhos’ derruba tese de que não há fome em Mato Grosso e cobra ação dos “grandões do Agro”

30 Jul 2021 - 07:06

Da Redação - Airton Marques / Do Local - Max Aguiar

Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

Botelho diz que ‘fila dos ossinhos’ derruba tese de que não há fome em Mato Grosso e cobra ação dos “grandões do Agro”
O deputado Eduardo Botelho (DEM) afirmou que a crescente fila por doação de ossinhos de vaca feita pelo Atacadão da Carne, no CPA II, em Cuiabá, serve para contestar a ideia que muitos têm de que Mato Grosso é um estado rico e sem fome.

Leia também:
Botelho diz que se governo e conselho não se entenderem, AL deve votar ‘PEC’ com rebate para aposentados

“Já tinha visto isso, pois (o açougue) é do lado da casa da minha mãe. Essa fila dos ossinhos já existe há muito tempo e não é só no CPA II, se outros açougues começarem a doar, vai ter fila. É bom para as pessoas que dizem que Mato Grosso é um estado rico e não tem fome verem que tem. Principalmente para aqueles que estão acomodados, ganhando bilhões e bilhões e acham que Mato Grosso não precisa de ajuda”, declarou ao cobrar a parcela de ajuda por parte dos grandes produtores rurais do estado.

Principalmente para aqueles que estão acomodados, ganhando bilhões e bilhões e acham que Mato Grosso não precisa de ajuda

De acordo com Botelho, o agronegócio tem ajudado neste momento em que a extrema pobreza aumenta no estado. Por meio de parceria com a Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de Mato Grosso (Aprosoja), a Assembleia Legislativa arrecada mais de 100 mil cestas básicas. O deputado pondera, no entanto, que os gigantes do agro ainda não ajudam. “Os barões, os grandões, precisam vir para a linha de frente”.

A fila formada para pegar ossos de vaca se tornou assunto nacional nas últimas semanas. A doação é feita há dez anos, mas de acordo com os proprietários do açougue, a procura aumentou durante a pandemia da Covid-19, quando muitas famílias ficaram sem qualquer renda.

Diante da repercussão, o governo do estado, por meio da primeira-dama Virginia Mendes, distribuiu cestas básicas, cobertores e kits de limpeza e higiene pessoal, nesta quarta-feira (28). Equipe de assistentes sociais da Prefeitura de Cuiabá também esteve no local, realizando o cadastramento das famílias no CadÚnico.
Entre em nosso grupo de WhatsApp e receba notícias em tempo real, clique aqui

Comentários no Facebook

Sitevip Internet